iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

05/08 - 22:39

Ponte permite virada do Bahia e perde chance de ser vice-líder

Novo vice-líder é o Avaí (30 pontos), que venceu o Brasiliense e contou com a derrota do Barueri para o Vila Nova

Gazeta Esportiva

FEIRA DE SANTANA - Ao mesmo tempo, o Bahia conseguiu nesta terça-feira manter sua seqüência de oito jogos de invencibilidade e acabar com as seis partidas sem derrota da Ponte Preta na Série B do Campeonato Brasileiro.

A Macaca, que começou ganhando, perdeu a chance de subir para a segunda colocação permitindo a virada por 2 a 1, mantendo-se no quarto lugar, enquanto o Bahia chegou a sexto, aproximando-se do G-4. Com a derrota, a Ponte soma 26 pontos na classificação geral. Já o time baiano tem um a menos.

Depois da vitória contra o Brasiliense no Distrito Federal, no último sábado, o Bahia vinha empolgado para confirmar os três pontos em Feira de Santana, mas viu sua missão ser dificultada pela atitude ofensiva que a Ponte Preta apresentou logo nos minutos iniciais do primeiro tempo.

Logo aos quatro minutos, o time de Campinas já conseguiria abrir o placar, quando Vicente apareceu bem pela esquerda e cruzou para Marcelo Soares que, livre, teve o trabalho apenas de empurrar a bola para o gol.

Embora o Tricolor esboçasse chegadas à área rival, as tentativas ou esbarravam na boa marcação da zaga alvinegra ou nas más finalizações dos atacantes baianos. O Bahia entrou em campo com o desfalque do atacante Marcelo Ramos, que sentiu uma lesão na última partida do time e foi vetado pelo departamento médico.

No entanto, seu substituto, Paulo Roberto, não estava conseguindo suprir a vaga por ele deixada, e pouco apareceu no jogo, relegando o Bahia à marcação dos jogadores da Ponte Preta, que cada vez mais partia para o ataque.

Já no segundo tempo, a Ponte, parecendo satisfeita com o placar de 1 a 0, se fechou no campo de defesa. Já o Bahia, mesmo desorganizado, conseguiu melhores de chances de retomar a igualdade.

O gol de empate, no entanto, só sairia aos 24 minutos, em um lance controverso. Jones – que havia acabado de entrar no jogo – apareceu bem em seu primeiro lance e recebeu falta de Jean, nitidamente fora da área. O árbitro da partida, no entanto, não pensou dessa maneira e apitou pênalti para o time do Bahia. Na cobrança, Elias bateu no meio do gol e empatou para os mandantes.

Quando o resultado já parecia definido, com as duas equipes mantendo suas séries invictas, o Bahia conseguiu achar um gol aos 43 minutos, quando após um cruzamento na área, Aranha tentou afastar e a bola sobrou com Paulo Roberto, que empurrou para o fundo das redes.

Na próxima rodada da segunda divisão nacional, a Ponte Preta tentará se manter no G-4 em jogo contra o Paraná, em casa, no Moisés Lucarelli. Já o Bahia viaja para enfrentar o CRB, no Rei Pelé, onde tentará atingir o pelotão de frente.

FICHA TÉCNICA (veja como foi lance a lance)
BAHIA 2 X 1 PONTE PRETA

Local: Estádio Jóia da Princesa, em Feira de Santana (BA)
Data: 5 de agosto de 2008, terça-feira
Horário: 20h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Fabrício Neves Corrêa (RS)
Assistentes: Paulo Ricardo Conceição (RS) e Ivaney de Lima (SE) Cartões amarelos: Bruno Lopes (Bahia); Vicente (Ponte Preta)
Cartão vermelho: Bilica (Ponte Preta)

Gols: PONTE PRETA: Marcelo Soares, aos quatro minutos do primeiro tempo.
BAHIA: Elias, aos 24, e Paulo Roberto, aos 43 minutos da etapa complementar.

BAHIA: Darci; Marcone (Luciano Baiano), Cléber Carioca, Rogério e Ávine (Jones); Fausto, Emerson Cris (Bruno Lopes), Rafael e Elias; Paulo Roberto e Galvão.
Técnico: Arthurzinho

PONTE PRETA: Aranha, Raulen, Gum, Jean e Vicente; Ricardo Conceição, Bilica, Leandrinho (Danilo Neco) e Renato; Luís Ricardo e Marcelo Soares.
Técnico: Paulo Bonamigo


Leia mais sobre: Bahia Ponte Preta Série B

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

serie b

Um ponto os separam
Com a vitória em Feira de Santana, Bahia ficou logo atrás da Ponte Preta na classificação

Topo
Contador de notícias