iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

05/08 - 21:39

Estreante Jardel marca e Criciúma vence Marília de virada

Visitantes saíram na frente, mas Tigre se valeu da estrela do ex-gremista, que estreou em grande estilo

Gazeta Esportiva


CRICIÚMA - Em partida válida pela Série B do Campeonato Brasileiro, o Criciúma recebeu a equipe do Marília no Estádio Heriberto Hulse, na noite desta terça-feira, e, com gol do estreante Jardel, os catarinenses venceram os visitantes, de virada, por 3 a 2. Com este resultado, o Tigre fica na décima colocação, com 22 pontos. O MAC, por sua vez, com 17 pontos, segue próximo à zona do rebaixamento.

Empurrado pela sua torcida, o Criciúma se lançou ao ataque e quase abriu o marcador no primeiro ataque. Com apenas um minuto de jogo, Luis Mario cruzou da direita para Adriano, que, na cara do gol, colocou a bola ao lado do gol de Rodolfo.

A resposta do Marília veio pouco tempo depois, aos nove minutos, e foi fatal: Bentinho sofreu falta pela esquerda do ataque e, na cobrança de Ricardinho, Fernando cabeceou para o fundo das redes.

Aos 21 minutos, os anfitriões tiveram a chance de empatar a partida. Em cobrança de falta de Adriano, Luís Mário escorou e a bola sobrou para Everton, que cabeceou para ótima defesa de Rodolfo.

Ainda na primeira etapa, o Marília desperdiçou duas boas chances de gol. Aos 37, Robert invadiu a área e ficou de frente para o gol. O jogador tentou driblar o goleiro Zé Carlos e acabou chutando a bola para fora. Aos 44 minutos, Ricardinho também ficou na cara do gol, mas chutou colocado nas mãos do arqueiro catarinense.

De volta a segunda etapa, o técnico Édson Gaúcho promoveu a estréia do veterano Mário Jardel, ex-atacante do Vasco e Grêmio, além de vencedor da Chuteira de Ouro no futebol europeu em duas ocasiões (1999 e 2002).

Entusiasmados com a estréia do novo reforço, o Criciúma conseguiu chegar ao gol de empate, aos 12 minutos da do segundo tempo. Também de cabeça, Leonardo mandou para as redes, após cruzamento de Adriano.

Não demorou muito para o Marília voltar a liderar o placar. Aos 15, Robert entrou na área pela esquerda e se beneficiou da saída atrapalhada de Zé Carlos, chutando sem dificuldades para marcar o segundo dos visitantes.

O estreante Jardel conseguiu deixar o seu para empatar novamente a partida. Aos 23 minutos da etapa complementar, Peter chutou forte e o goleiro Rodolfo espalmou. No rebote, Jardel não falhou e anotou o seu no Heriberto Hulse.

A virada do time da casa veio em cobrança de falta. Aos 31 minutos, Adriano cobrou da direita, e o zagueiro Fernando cabeceou para sua própria meta, fazendo gol contra. Depois do gol o Criciúma apenas se segurou na defesa para manter o placar e somar os três pontos.

Ainda antes do apito final, o jogador Marcinho, do Marília, deu uma entrada violenta em Luiz Mário – o atacante do time paulista levantou as duas pernas para dar um carrinho criminoso no atleta adversário. O juiz expulsou o atacante, mas uma confusão se estabeleceu no gramado, com os jogadores do MAC enfurecidos tentando partir para cima dos catarinenses. Os atletas mais calmos da equipe paulista conseguiram apaziguar os ânimos de seus companheiros.

Na próxima rodada, o Criciúma visita a equipe do Gama, no Estádio Mané Garrincha, em Taguatinga, enquanto o Marília, no Estádio Bento de Abreu, recebe o ABC-RN.

FICHA TÉCNICA
CRICIÚMA-SC 3 x 2 MARÍLIA-SP

Local: Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC)
Data: 5 de agosto de 2008, terça-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (AL)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Gilson Bento Coutinho (ambos do PR)
Cartões amarelos: Robert, João Marcos, Ricardinho, Flávio, João Vitor, Leandro Amaro e Betinho (Marília)
Cartão vermelho: Marcinho (Marília)

Gols: CRICIÚMA: Leonardo, aos 12, Jardel, aos 23 e Fernando (contra), aos 31 minutos do segundo tempo. MARÍLIA: Fernando, aos nove minutos do primeiro tempo e Robert, aos 15 minutos do segundo tempo.

CRICIÚMA: Zé Carlos; André Luiz, Leonardo, Everton (Patric) e Valdeir (Peter); Basílio, Marcelo Rosa, Luciano Bebê e Adriano; Luis Mário e Acerola (Jardel).
Técnico: Edson Gaúcho

MARÍLIA: Rodolfo; Leandro Amaro, Fernando e Flávio (Marcinho); João Victor, João Marcos, Chiquinho, João Vitor e Serginho; Ricardinho, Betinho e Robert.
Técnico: Jorge Raulli


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo