iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

05/08 - 12:35

Bomba e confusão marcam o treino de terça-feira no Flamengo
A confusão começou quando os torcedores jogaram uma bomba no campo, durante o treinamento da equipe

Redação e Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Revoltada com a série de seis jogos seguidos sem vitória no Campeonato Brasileiro, que fez o time despencar da liderança para a sexta colocação do Nacional, um grupo de cerca de 30 torcedores do Flamengo invadiu o treinamento da manhã desta terça-feira na Gávea para cobrar os jogadores.

No entanto, o protesto que começou pacífico quase acabou em uma grande confusão. Quando já faziam o tradicional rachão de véspera de dia de jogo (o time encara o Goiás, fora de casa, nesta quarta-feira), os atletas foram alvos de fortes xingamentos dos torcedores, que exigiram uma conversa com todo o grupo.

Em seguida, porém, os torcedores cometeram um ato de selvageria e atiraram uma bomba no gramado. Um dos principais alvo das críticas, o lateral-direito Léo Moura chegou a cair e por pouco não foi atingido. Em seguida, alguns jogadores, como Ibson e Juan, se revoltaram e discutiram com o grupo. A confusão só não foi maior porque um alambrado separava a torcida dos atletas.

Com os ânimos um pouco mais calmos, o capitão do Flamengo, Fábio Luciano, interveio e assumiu o papel de mediador na confusão, acompanhado do goleiro reserva Diego. Ambos conseguiram convencer os torcedores a se deslocarem para um lugar reservado, onde chegaram a um entendimento.

O Flamengo ocupa atualmente a 6ª colocação no Brasileirão com 28 pontos ganhos. A equipe do técnico Caio Jr. já amarga um jejum de seis partidas sem vitórias - quatro derrotas e dois empates. O último triunfo rubro-negro aconteceu no dia 13 de julho, no Maracanã, quando bateu o Vasco por 3 a 1.


Leia mais sobre: Flamengo Brasileirão

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Futura Press

Clima quente na Gávea
Fábio Luciano e Bruno foram até o alambrado para discutir com os torcedores nervosos

Topo