iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

03/08 - 09:29

Pelo G-4, Palmeiras tenta superar fronteiras contra o lanterna

Ipatinga chega ao duelo após sofrer sua nona derrota no campeonato, diante do Sport

Gazeta Esportiva

IPATINGA - A chance de se firmar na zona de classificação para a Libertadores no primeiro turno está nas mãos do Palmeiras. A equipe, contudo, terá de superar um estigma: convencer jogando fora de casa.

Neste domingo, às 16h, os campeões paulistas visitam o Ipatinga, lanterna do Brasileiro, precisando apenas de uma vitória para ficar entre os quatro ao fim da 17ª rodada.

Apesar de parecer teoricamente tranqüila, a missão não é das mais fáceis de acordo com o retrospecto do Verdão. Melhor mandante da competição – está invicto no Palestra Itália –, o time de Wanderley Luxemburgo triunfou somente em uma oportunidade nas oito partidas que realizou fora de seu estádio, diante do Vasco. Nos outros jogos, foram três empates e quatro derrotas.

Mesmo com o baixo desempenho como visitante, somar três pontos diante do lanterna é visto como possível dentro do elenco. “A gente respeita o Ipatinga. Eles já venceram o Inter em casa, empataram com o São Paulo no Morumbi. Mas o Palmeiras tem que vencer fora de casa, e vamos para Ipatinga sabemos que temos condições de vencer”, pregou Leandro.

A confiança na busca pelo triunfo longe de seus domínios é tanta que voltar de Minas Gerais com um ponto é considerado prejuízo. “O empate não vai ser bom. O Palmeiras quer ser campeão e eles vão ser mais uma pedra no nosso caminho”, metaforizou Jéci.

“Se tratando de Campeonato Brasileiro, todos os jogos são muito difíceis, principalmente contra o Ipatinga, que é o lanterna e vai ter toda a torcida ao seu lado para ajudar. Mas o Palmeiras vai na casa deles com a obrigação de vencer, com inteligência e respeito”, continuou o zagueiro.

Para transformar em realidade o desejo de vitória, Luxemburgo não terá muitos obstáculos para definir sua escalação. Seus únicos desfalques são Pierre, ainda abalado por problemas pessoais, e Léo Lima, suspenso. Com isso, o único com vaga garantida na cabeça-de-área é Sandro Silva, autor do gol da vitória sobre o Flamengo na última rodada. Ao seu lado, o volante pode ter tanto Martinez, que retorna de contusão e indisposição estomacal, ou Jumar, substituto bastante elogiado por Luxa.

No restante do time, a base será a mesma que tem atuado nas últimas partidas e que acumula uma seqüência de três duelos sem derrotas. Valdívia, que entrou em conflito com o técnico ao contestar substituição no último compromisso, segue no time na expectativa de repetir uma atuação como teve diante do Flamengo, quando deu o passe decisivo para a definição do placar.

Já o Ipatinga vem para esta partida depois de perder para o Sport por 3 a 1, na Ilha do Retiro, na quinta-feira. Foi a nona derrota do Tigre no Brasileirão, deixando-o ao lado do Fluminense como o time que mais perdeu. Não por acaso, os dois disputam a lanterna nos critérios de desempate há rodadas e o Ipatinga vem tendo este desgosto.

Para agravar a situação, o tempo de preparação para enfrentar o Palmeiras foi curto, já que a viagem de Recife a Ipatinga é longa. Como alento, o time mineiro aposta em sua força dentro de casa. Embora tenha vencido apenas três, de oito partidas, o retrospecto recente é bom, com vitórias sobre Portuguesa e Internacional.

Precisando de, no mínimo, duas rodadas para deixar a zona de rebaixamento, os jogadores começam a demonstrar, cada vez mais, que estão preocupados. Ainda no gramado da Ilha do Retiro, admitiram que o momento é delicado.

“Ainda temos chance de sair desta situação. Nós temos um jogo difícil no domingo, contra o Palmeiras, mas vamos fazer de tudo para vencer”, confia o atacante Marinho, sabendo que a tarefa não é simples.

Já o volante Léo Silva adota um discurso típico de clubes em crise, apelando para o brio de cada um. “Todo mundo aqui tem família, todo mundo é trabalhador. Não pode deixar cair de maneira alguma. Temos que procurar os resultados a todo momento. Infelizmente, não estão vindo, mas domingo temos um jogo em casa e temos que procurar a vitória”, incentiva.

FICHA TÉCNICA
IPATINGA X PALMEIRAS

Local:
Ipatingão, em Ipatinga (MG)
Data: 3 de agosto de 2008, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Gutemberg de Paula Fonseca (RJ)
Assistentes: Erich Bandeira (Fifa-PE) e Ricardo Mauricio de Almeida (RJ)

IPATINGA: Fred; Leandro Salino, Tiago Vieira, Léo Oliveira e Beto; Augusto Recife, Xaves, Léo Silva e Rodriguinho; Adeílson e Marinho (Michel)
Técnico: Ricardo Drubscky

PALMEIRAS: Marcos; Elder Granja, Jéci, Gladstone e Leandro; Sandro Silva, Jumar (Martinez), Diego Souza e Valdívia; Kléber e Alex Mineiro
Técnico: Wanderley Luxemburgo


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo