iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

03/08 - 18:06

Grêmio vence o Vitória e segue na liderança

William Magrão e Reinaldo guardaram seus gols e foram decisivos para manter o tricolor gaúcho no topo da tabela

Gazeta Esportiva

PORTO ALEGRE - O Grêmio defendeu sua vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro neste domingo. No estádio Olímpico, bateu o Vitória por 2 a 0, gols de William Magrão e Reinaldo, e manteve-se com dois pontos de diferença para o Cruzeiro, que empatou com o Flamengo. Os baianos deixaram o G-4. Veja os gols no player ao lado>

Com o resultado positivo, o Grêmio passou a somar 35 pontos, contra 33 do Cruzeiro, 31 do Palmeiras e 30 do São Paulo. O Vitória está encostado no grupo de classificação à Copa Libertadores, com 29. Na quinta-feira, fará confronto direto com o Palmeiras, fora de casa. O Grêmio receberá o Ipatinga na véspera.

O jogo 
O entusiasmo dos torcedores do Grêmio nas arquibancadas do estádio Olímpico contrastava com o ritmo lento da partida nos primeiros minutos. Habitualmente forte na marcação, o time da casa conseguia conter as investidas ainda cautelosas dos visitantes.

Para os jogadores do Vitória, o Grêmio também usou de força excessiva para abrir o placar aos 17 minutos do primeiro tempo. Após cruzamento da direita, William Magrão deixou o zagueiro Leonardo Silva no chão em dividida de bola e chutou forte, para as redes. Festa gremista e revolta do adversário.

“Todo o estádio viu o empurrão do William Magrão no lance. Mas o árbitro errou muito no primeiro tempo, não apenas nesse lance. E para os dois lados”, esbravejava o técnico Vágner Mancini, que mandou o Vitória à frente. A equipe baiana passou a pressionar o líder do Brasileirão.

Apesar da insistência do Vitória, o Grêmio era mais perigoso quando chegava ao ataque. Nos acréscimos, quase marcou o segundo gol. Perea aproveitou o desespero de Viáfara e concluiu na saída do goleiro, com a meta vazia. A bola tocou a trave, rolou a linha do gol e foi afastada pela zaga.

No começo do segundo tempo, o Grêmio criou e desperdiçou novas chances de gol. Forçou Vágner Mancini a modificar sua equipe. Com Ricardinho e Leandro Domingues nos lugares de Jackson e Renan, o Vitória voltou a equilibrar a partida. Mas, mesmo com volume de jogo, não fazia o suficiente para empatar.

O técnico Celso Roth tentou tirar proveito da ousadia do adversário, reforçando o meio-campo do Grêmio. Promoveu a estréia de Souza, muito aplaudido ao substituir Perea, e trocou Marcel por Reinaldo. A intenção era explorar os contra-ataques para ampliar. Aos 43, Reinaldo fechou o placar com um corte em Anderson Martins e chute forte.

FICHA TÉCNICA (Veja como foi o jogo lance a lance)
GRÊMIO 2 X 0 VITÓRIA

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 3 de agosto de 2008, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Sálvio Spínola Fagundes Filho (Fifa-SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Edynei Guerreiro Mascarenhas (RJ)
Público: 37.784 pagantes
Cartões amarelos: Paulo Sérgio, Rafael Carioca (Grêmio); Leonardo Silva, Anderson Martins (Vitória)
Gols: GRÊMIO: William Magrão, aos 17 minutos do primeiro tempo, e Reinaldo, aos 43 minutos do segundo tempo

GRÊMIO: Victor, William Thiego, Pereira e Rever; Paulo Sérgio, William Magrão, Rafael Carioca, Tcheco (Makelele) e Anderson Pico; Perea (Souza) e Marcel (Reinaldo)
Técnico: Celso Roth

VITÓRIA: Viáfara, Marco Aurélio, Anderson Martins, Leonardo Silva e Marcelo Cordeiro; Wallace, Renan (Leandro Domingues), Marquinhos e Jackson (Ricardinho); Marco Antônio e Rodrigão (Adriano)
Técnico: Vágner Mancini

Outros resultados:


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo