iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

31/07 - 22:41

Vasco goleia Galo e e espanta crise

Gols de Edmundo, Eduardo Luiz, Madson, Leandro Amaral e Wagner Diniz (dois), tiram Vasco da zona de rebaixamento

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - O Vasco goleou o Atlético Mineiro por 6 a 1 em partida disputada na noite desta quinta-feira, em São Januário, no encerramento da 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado serviu para afastar a crise que rondava o clube cruzmaltino desde a derrota para o Santos no último domingo. .

A pressão da torcida fez o zagueiro Luizão e o meia Morais pedirem para não jogar, mas os jogadores que entraram em campo mostraram muita vontade de superar a fase ruim e acabaram premiados com uma grande vitória.

O Vasco mereceu amplamente a vitória porque jogou com muita vontade e se aproveitou da fraqueza do adversário para estabelecer o resultado. Com Edmundo comandando as ações no meio-campo e Wagner Diniz puxando os contra-ataques pela lateral, o time dirigido por Antonio Lopes construiu uma vitória tranqüila. E o treinador, que vinha sendo pressionado pela torcida, deve ganhar alguns de sossego. Já o Atlético Mineiro não conseguiu se encontrar em momento nenhum da partida, apesar do esforço dos seus jogadores.

Com a vitória, o Vasco, além de fugir da crise, conseguiu sair da zona do rebaixamento e agora está na 12ª posição com 19 pontos ganhos. Já o Atlético Mineiro que deve enfrentar muitos problemas em Belo Horizonte ficou na 16ª colocação com 17 pontos. Na próxima rodada o Vasco vai ao Morumbi para enfrentar o São Paulo enquanto o Atlético Mineiro vai receber o Sport no Mineirão.

Apesar das crises que abalaram São Januário nos últimos dias, o time do Vasco começou a partida com muita disposição, tentando empurrar a equipe atleticana para seu campo de defesa. Logo no início da partida, o meia Biro sofreu uma lesão no tornozelo e cedeu seu lugar a Marquinhos, mas isso não mudou o panorama do jogo com o time da casa atacando e o Galo tentando sair nos contra-ataques.

Aos 13 minutos, o melhor desempenho do Vasco foi premiado com um gol. A bola foi levantada pelo lado esquerdo da área, o goleiro Édson saiu mal e a bola sobrou para Edmundo mandar para as redes. Dois minutos depois o Galo chegou ao empate. O atacante Jael fez ótima jogada individual, se livrando de dois marcadores e chutou forte. A bola desviou em Jorge Luiz e enganou o goleiro Roberto.

O time dirigido por Antonio Lopes não se abalou com o empate do Galo e seguiu pressionando. E conseguiu o gol de desempate aos 24 minutos quando Edmundo cobrou escanteio pela esquerda e o zagueiro Eduardo Luiz apareceu entre os zagueiros mineiros para meter a cabeça e colocar nas redes de Édson. A equipe mineira ficou inteiramente perdida em campo, fazendo muitas faltas e acabou sendo castigado com o terceiro gol, marcado pelo baixinho Mádson, aos 34 minutos, em bela jogada individual. Apoiado pela torcida, o Vasco se manteve no ataque, mas não criou mais chances de marcar até o final do primeiro tempo.

Logo no início do segundo tempo, o Vasco marcou o quarto gol e acabou com qualquer possibilidade de reação da equipe mineira. Edmundo fez boa jogada pela direita, cruzou e depois de confusão na área atleticana, a bola sobrou para Wagner Diniz que chutou rasteiro para colocar a bola nas redes.

O gol desanimou o time visitante e incendiou a equipe carioca que chegou ao quinto gol aos seis minutos. Wagner Diniz foi lançado pela direita e cruzou para Leandro Amaral bater de primeira sem chances para o goleiro Édson.

O técnico Gallo mexeu na equipe mas acabou sofrendo o sexto gol aos 16 minutos quando Wagner Diniz foi lançado por Edmundo, penetrou livre e tocou na saída do goleiro Édson.

Inteiramente desnorteado com a goleada, o Atlético partiu de forma desesperada para o ataque, deixando espaços que eram explorados pelos adversários, principalmente pelo lado direito, onde Wagner Diniz fazia grande partida, levando seus marcadores ao desespero e criando jogadas para seus companheiros.

Aos 30 minutos, o técnico Antonio Lopes decidiu poupar o atacante Edmundo, mas o Animal saiu reclamando da decisão do treinador. Nos minutos finais da partida, o Vasco procurou apenas administrar o resultado, enquanto o Galo tentava, sem sucesso, reduzir a diferença no placar.

FICHA TÉCNICA
VASCO 6 X 1 ATLÉTICO-MG  (Veja como foi o jogo lance a lance)

Local: Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 31 de julho de 2008, quinta-feira
Horário: 20h30min (de Brasília)
Árbitro: Jaílson Macedo Freitas (BA)
Público: 4.810 pagantes
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Belmiro da Silva (BA)
Cartões amarelos: Victor e Edu(Vasco); Vinicius, Marcos, Jael e Petkovic(Atlético-MG)
Gols:
VASCO:Edmundo aos 13 minutos, Eduardo Luiz aos 24 e Mádson aos 34 minutos do primeiro tempo. Wagner Diniz aos dois e 16 minutos do segundo tempo, Leandro Amaral aos cinco minutos do segundo tempo. ATLÉTICO-MG: Jael aos 15 minutos do primeiro tempo

VASCO: Roberto, Victor, Jorge Luiz (Anderson) e Eduardo Luiz; Wagner Diniz, Souza, Biro (Marquinhos) Madson e Edu; Leandro Amaral e Edmundo (Alex Teixeira)
Técnico: Antônio Lopes

ATLÉTICO-MG: Édson; Mariano, Marcos, Vinícius e César Prates (Francis);Serginho, Márcio Araújo, Gedeon (Rafael Miranda) e Petkovic; Eduardo (Rafael Aguiar) e Jael
Técnico: Alexandre Gallo

Outros resultados:


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo