iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

31/07 - 18:20

STJD livra Náutico do pagamento de multa de R$ 30 mil

Clube havia recebido multa como pena, além de perder o mando de campo, pelo tumulto contra o Botafogo 

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Por conta da polêmica partida contra o Botafogo, que culminou com a detenção do zagueiro André Luiz pela polícia pernambucana, o Náutico voltou, nesta quinta-feira, ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e acabou absolvido, também, da multa de R$ 30 mil que teria que pagar por conta do episódio. Inicialmente, por deixar de tomar providências para a segurança do jogo, o clube havia recebido multa como pena, além de perder o mando de campo por dois jogos.

Posteriormente, o STJD absolveu a equipe pela pena quanto aos mandos de campo, o que, segundo o procurador do órgão, Paulo Schmmit, não poderia ser feito, já que ambas punições seriam referentes ao mesmo artigo do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

Assim, o Náutico cumpriria a pena completa ou estaria absolvido nos dois casos. Nesta quinta-feira, a segunda opção foi escolhida, no julgamento do Embargo pedido pelo Procurador-Geral do órgão. A decisão foi comemorada pelo advogado do Timbu, Oswaldo Sestario.

“Estamos bastante aliviados pois tínhamos dúvida de qual seria a posição do Pleno. Houve uma correção da punição e isso favoreceu o Náutico que economizou mas também gastou tendo que jogar fora”, afirmou o advogado.


Leia mais sobre: Náutico STJD

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo