iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

31/07 - 13:56

Com protestos, Morais pede para não jogar e irrita presidente

"A torcida tem que entender que agindo assim não vai resolver nada", disse Roberto Dinamite

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Depois de pichar os muros de São Januário e protestar na porta do estádio na tarde da última quarta-feira, a torcida do Vasco voltou a mostrar a insatisfação com o atual momento do clube.

Na madrugada desta quinta-feira, cerca de 20 integrantes de uma organizada estiveram na porta da concentração cruzmaltina e fizeram um barulhaço, com muito foguetório.

”A torcida tem que entender que agindo assim não vai resolver nada. Só vai prejudicar a instituição e os jogadores. Precisamos de paz para trabalhar e buscar as soluções no menor espaço de tempo. Apoiar o time na hora que está ganhando é fácil, mas temos que nos unir para sair desta situação”, afirmou o presidente Roberto Dinamite, à Rádio Brasil.

Além da atitude dos torcedores, o comportamento de Morais também irritou o presidente do Vasco. Alegando problemas psicológicos, o jogador pediu para não enfrentar o Atlético-MG na noite desta quinta-feira. “O jogador tem que cumprir com a obrigação com a instituição. O atleta tem que saber a sua importância, mas tem que saber respeitar a instituição”, comentou o dirigente.

Lidando com dificuldades financeiras desde que assumiu o cargo há um mês, Roberto Dinamite voltou a criticar a antiga diretoria, liderada por Eurico Miranda. “O Vasco foi sucateado ao longo destes anos”, disparou Roberto.

Para melhorar um pouco a situação financeira do Vasco, o clube deverá receber cerca de R$ 500 mil pela liberação do lateral-esquerdo Pablo, que pertencia ao Olaria e foi negociado com o Zaragoza-ESP. Pablo estava emprestado ao Vasco até o final do ano.

O clube cruzmaltino também conseguiu aliviar um pouco a sua folha salarial. O atacante Landu, que disputou apenas um jogo pelo Vasco, foi liberado para acertar transferência para o Gama-DF. Landu veio para o Vasco após conquistar o título goiano deste ano pelo Itumbiara.


Leia mais sobre: Morais Vasco Campeonato Brasileiro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Vipcomm/Divulgação

Crise?
Alegando problemas psicológicos, Morais pediu para não enfrentar o Atlético-MG na noite desta quinta-feira

Topo