iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

29/07 - 11:00

Recuperado, Robinho volta a treinar no Real

A recuperação da contusão do atacante levou menos de dez dias, como esperava a CBF

Gazeta Esportiva

MADRI (Espanha) - O atacante Robinho voltou aos treinos no Real Madrid nesta terça-feira e participou normalmente de toda a atividade, mostrando estar 100% recuperado da suposta contusão no púbis que o tirou da disputa das Olimpíadas de Pequim. O jornal espanhol As relata que o jogador esteve “perfeito” no treinamento e que “o sorriso voltou a seu rosto”.

A recuperação da contusão levou menos de dez dias, como esperava a CBF. Ainda assim, o Real negou a liberação do seu astro, forçando o técnico Dunga a convocar o volante Ramires de última hora.

Desta forma, enquanto o time olímpico faz nesta sexta-feira o seu último teste antes da estréia em Pequim, contra o Vietnã, Robinho deve ficar à disposição do técnico do Real, o alemão Bernd Schuster, para os amistosos contra Hamburgo e Arsenal, no próximo sábado e domingo, respectivamente.

Segundo o As, Robinho foi muito festejado pelos colegas de equipe por praticamente ter garantido a permanência do clube. Um dos principais ídolos da torcida, o goleiro Iker Casillas abraçou o brasileiro e bradou: “Daqui você não sai”.

Porém, a situação do brasileiro no time merengue, que ficou estremecida após a notícia de que Robinho seria envolvido como moeda de troca na negociação por Cristiano Ronaldo, do Manchester United, ainda não foi resolvida. Nos próximos dias, o jogador, acompanhado pelo empresário Wagner Ribeiro, deve se reunir com a diretoria para discutir a renovação de contrato.

Segundo a imprensa espanhola, o craque está disposto a pedir um aumento no Real Madrid, já que desperta o interesse do Chelsea, de seu compatriota Luiz Felipe Scolari. Com Cristiano Ronaldo mais distante, contudo, a expectativa é de que os merengues segurem o atleta e ampliem seu contrato por mais cinco temporadas, aumentando ainda o valor de seu salário.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo