iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

29/07 - 19:06

Com problema pessoal, Pierre decidirá se enfrenta Flamengo
Se Pierre disser que joga, será titular, barrando Sandro Silva, e deve ter como Léo Lima como companheiro

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - A volta de Pierre ao Palmeiras nesta quarta-feira ainda não está confirmada. Passando por problema pessoal (sua esposa teve parto prematuro, uma das gêmeas faleceu e a outra está tratamento intensivo desde a semana passada), será o volante que decidirá se enfrentará o Flamengo.

“O Pierre está com um problema pessoal muito grave. Até deixei ele fora da concentração ontem (segunda-feira), só fica hoje (terça-feira). Vou deixar ele decidir, ele fica à vontade para dizer se joga ou não”, informou Wanderley Luxemburgo.

Compreensivo com a dificuldade na vida de seu camisa 5, o técnico dá credito ao veredicto do jogador. “A volta dele é muito boa para o grupo e para ele também, que está com a gente, convivendo com a gente e a família. Se ele jogar, tenho que certeza vai entrar com tudo”, garantiu.

A confiança no principal marcador do elenco alviverde também é partilhada pelos colegas. “Não gosto de comentar muito sobre isso. Estou triste pelo Pierre. Mas ele é guerreiro, religioso, vai se apegar na fé dele e acho que já superou”, apostou Léo Lima.

Se Pierre disser que joga, será titular, barrando Sandro Silva, e deve ter como companheiro na cabeça de área Léo Lima, que retorna de contusão na vaga de Jumar. Misterioso, Luxa prefere não confirmar as novidades.

“Posso manter o Sandro Silva e o Jumar, posso também voltar com o Pierre e o Léo Lima. Vou ver a recuperação dos jogadores para decidir”, desconversou. Léo Lima repetiu o discurso do chefe. “Estou voltando de contusão, mas não sei se jogo”, afirmou o volante.

Diante das interrogações que o treinador tenta colocar na equipe, ao menos uma alteração está certa nas palavras do comandante. Sem Maurício, suspenso, o Verdão deixa de jogar com três zagueiros, esquema que o próprio Luxemburgo admite não gostar. Jéci e Gladstone comandarão a defesa.

“Usei por necessidade. Se tiver que usar, coloco de novo. Mas posso fazer um time com três zagueiros sem escalar três zagueiros”, analisou. “O importante é a marcação com a posse de bola. Se você tiver o controle da bola na maior parte do jogo, marca o adversário”, ensinou.

Com estas ordens, o time que deve entrar em campo no Palestra Itália é: Marcos; Elder Granja, Jéci, Gladstone e Leandro; Pierre, Léo Lima, Diego Souza e Valdívia; Kléber e Alex Mineiro.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo