iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

28/07 - 17:35

Em boa fase, Dagoberto quer se firmar como titular do São Paulo
Muricy Ramalho já avisou que Dagoberto pode voltar para o banco de reservas caso seu rendimento caia

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O atacante Dagoberto tem sido um dos principais destaque do São Paulo nos últimos jogos do time pelo Campeonato Brasileiro. Autor de três gols nas três últimas vitórias do Tricolor, contra Vitória, Botafogo e Portuguesa, o camisa 25 curte a boa fase e a vaga de titular na equipe de Muricy Ramalho.

O treinador já avisou que Dagoberto pode voltar para o banco de reservas caso seu rendimento caia em treinamentos ou em jogos. O jogador, no entanto, aproveita o momento, e espera continuar marcando seus gols para contribuir com uma eventual conquista do Brasileirão.

“Minha meta é fazer 12 gols no ano. No ano passado, eram dez e eu fiz sete. As coisas estão legais neste ano. Já fiz três – quatro, se contar o anulado contra o Inter. Espero que eu possa continuar assim, me ajudando e ajudando o São Paulo”, explicou o atacante nesta segunda-feira, na reapresentação do elenco após a vitória por 3 a 1 sobre a Portuguesa no domingo.

Dagoberto ainda ‘rebateu’ o elogio dado por Muricy Ramalho, que garantiu escala-lo por sua dedicação aos treinos, e assegurou que tem apenas feito o trivial. “Sempre trabalhei sério e me dediquei ao máximo. A única coisa que eu tenho feito a mais é treinar chute a gol após os treinos”, explicou.

O atacante são-paulino vem atuando sempre ao lado de Éder Luis ou Aloísio, que se revezam ao seu lado no setor ofensivo do time. Por enquanto, Dagoberto não enfrenta a concorrência de Borges, artilheiro do time no Brasileirão com seis gols. No entanto, a disputa deve ficar mais equilibrada quando o camisa 17 se recuperar de contusão.

“O Muricy seria a pessoa mais exata pra falar sobre isso. Eu estou fazendo a minha parte”, disse o paranaense. “O Muricy não é muito de papo, não. Ele manda fazer, e aí, já era”, completou.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo