iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

26/07 - 21:31

Santos e Vasco buscam reação na Vila Belmiro
Com 11 pontos ganhos, o Santos ainda precisará superar os desfalques para vencer o confronto com o Vasco, que soma 16

Gazeta Esportiva

SANTOS - Os clássicos regionais no meio de semana não aliviaram a pressão de Santos e Vasco. Derrotada pelo Palmeiras, a equipe paulista não deixará a zona de rebaixamento nem mesmo com uma vitória sobre a carioca neste domingo, na Vila Belmiro, às 16 horas (de Brasília). É de lá que pretende fugir o time de Antônio Lopes, há quatro jogos sem vencer após o empate com o Fluminense.

Com 11 pontos ganhos, o Santos ainda precisará superar novos desfalques para o confronto com o Vasco, que soma 16. Os zagueiros Marcelo e Fabão estão suspensos. Já o volante Adriano, que sofreu contusão no joelho contra o Palmeiras, é dúvida. Após a partida, o jogador iniciou tratamento intensivo, mas sente muitas dores no local machucado.

Sem dois beques titulares, o técnico Cuca estuda utilizar um meio-campista na defesa. Se insistir no esquema tático com três zagueiros (3-5-2), o treinador improvisará Roberto Brum ao lado de Fabiano Eller e Domingos, que está livre de suspensão. Mas, com a possível ausência de Adriano, o volante também tem chances de atuar em sua posição de origem. A opção para a zaga, então, seria a estréia do jovem Vinícius.

Cuca também segue sem contar com o meia-atacante Robinho, que se recupera de dores musculares no centro fisioterápico do Santos, e com o goleiro Fábio Costa, que voltou a sentir dores e segue vetado. O meia Michael, que está livre de suspensão, reforçará o Santos. Deverá atuar na ala-esquerda.

Já o Vasco chega para o duelo deste domingo sem Souza e Morais, ambos suspensos. O volante recebeu terceiro cartão amarelo no clássico contra o Fluminense, enquanto o meia foi expulso. Outras baixas são o zagueiro Jorge Luiz e o volante Jonílson, ainda vetados pelo departamento médico do clube.

Quem entrará em campo um pouco mais aliviado é o atacante Leandro Amaral. Contra o Fluminense, o jogador marcou um gol e quebrou jejum de cinco partidas sem balançar as redes. Experiente, Leandro prega união do elenco contra a situação incômoda na tabela de classificação.

“Nesse momento difícil, a gente tem que se unir bastante. É importante um ajudar o outro dentro de campo. Estamos sentindo que a diretoria também está nos apoiando”, comentou Leandro Amaral.

O técnico Antônio Lopes é outro que segue prestigiado pelos dirigentes, assim como Cuca no Santos. “Já conversei com a diretoria e não tenho essa preocupação. Estou focado no trabalho, não na pressão por resultados. Contra o Fluminense, tivemos um bom rendimento. Infelizmente a vitória não veio”, disse o comandante. Resta saber qual será a postura dos presidentes Roberto Dinamite e Marcelo Teixeira após o jogo deste final de semana.

FICHA TÉCNICA
SANTOS X VASCO


Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 27 de julho de 2008, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Giulliano Bozzano (SC)
Assistentes: Milton Otaviano dos Santos (Fifa-RN) e Cleriston Clay Barreto Rios (SE)

SANTOS: Felipe; Domingos, Fabiano Eller, Vinicius; Apodi, Adriano (Roberto Brum), Molina, Kleber e Michael; Kléber Pereira e Nelson Cuevas
Técnico:
Cuca

VASCO: Tiago; Wagner Diniz, Eduardo Luiz, Luizão e Edu; Rodrigo Antônio, Matheus, Leandro Bomfim e Madson; Edmundo e Leandro Amaral
Técnico:
Antônio Lopes

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo