iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

26/07 - 18:20

Ponte vence Avaí nos acréscimos e chega à vice-liderança

O grande destaque da partida foi o atacante Leandrinho, que marcou três gols para a equipe campineira

Gazeta Esportiva

CAMPINAS - Jogando em casa, no Moisés Lucarelli, a Ponte Preta suou, mas conseguiu sair vitoriosa do difícil confronto contra o Avaí, e com a vitória de 3 a 2 conseguiu não só atingir o G-4 pela primeira vez nesta Série B do Campeonato Brasileiro, mas chegou também à vice-liderança na tabela.

Com o resultado, o time campineiro, chegou aos 25 pontos, seis a menos que o líder Corinthians, que venceu o Paraná Clube neste sábado. Já o Avaí, que também poderia ter ficado em segundo caso conseguisse ao menos um empate, ficou com a quarta-colocação, com 24.

Depois de a equipe freqüentar a zona de rebaixamento no início do campeonato, o clima da Ponte para o jogo contra o Avaí era de entusiasmo. O Alvinegro voltou a apresentar o bom futebol que a levou ao vice-campeonato paulista no primeiro semestre, e nas últimas quatro rodadas conseguiu quatro vitórias (CRB 2 a 0, Barueri 3 a 0, Fortaleza 3 a 0 e Vila Nova 2 a 0). Além disso, foram dez gols marcados e nenhum sofrido.

As condições do começo do primeiro tempo de partida pareciam confirmar o otimismo da Macaca. Empurrado pela sua torcida, o time comandado por Paulo Bonamigo conseguiu abrir o placar do jogo logo aos sete minutos, quando Leandrinho recebeu bola vinda do escanteio e pegou de primeira com o peito do pé direito, sem chances para o goleiro Eduardo Martini.

Mesmo sem contar com o meia Renato, artilheiro da equipe no campeonato com cinco gols, era a Ponte Preta que dominava as jogada de ataque na etapa inicial do confronto, com o Avaí se mostrando hesitante em sair no contra-ataque.

Mas a tarefa de conseguir a vitória diante do empolgado Avaí não se mostraria tão simples como nos minutos iniciais de jogo. Como se desse uma resposta ao gol, os avaianos já assustariam o goleiro Aranha logo depois, aos 13 minutos, quando Válber recebeu um passe açucarado e ficou cara a cara com o arqueiro, que teve que se esticar todo para evitar o gol do time de Florianópolis.

Com uma nova atitude em campo e passando a monopolizar a passe de bola, o empate do Avaí não tardaria. Aos 27 minutos, também em uma jogada de escanteio, o zagueiro Emérson apareceu livre e conseguiu escorar de cabeça, mas a zaga pontepretana conseguiu afastar. No rebote, Marcus Vinícius só teve o trabalho de empurrar pro gol: 1 a 1.

Quando sofria grande pressão do Avaí, a Ponte Preta recebeu uma benção aos 34 minutos quando Leandrinho caiu na área e o árbitro acusou pênalti. Na cobrança, o próprio Leandrinho chutou forte e fez a equipe da casa retomar a dianteira no jogo.

No segundo tempo de jogo, a situação não se alterou, com o Avaí ainda mais ofensivo e a Ponte se atendo à marcação, segurando o jogo. No entanto, aos 11, o time do Interior Paulista sucumbiu e permitiu o empate dos catarinenses. Adiantado, o goleiro Aranha nada pôde fazer quando Vandinho recebeu sozinho e tocou por cobertura para retomar a igualdade.

A vitória da Ponte só seria decretada nos acréscimos da partida, quando o time campineiro novamente teve um pênalti ao seu favor. Na marca dos 48 da etapa complementar, Leandrinho marcou o seu terceiro e trouxe os três pontos para a conta da equipe alvinegra.

Na próxima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, sábado que vem, o Avaí recebe em casa o CRB, de Alagoas, enquanto a Ponte tentará manter a boa fase com uma vitória diante do Juventude, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA-SP 3 x 2 AVAÍ-SC (Veja como foi o jogo lance a lance)

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 26 de julho de 2008, sábado
Horário: 16h10 (de Brasília)
Árbitro: Sandro Meira Ricci (DF)
Assistentes: Fábio Gonçalves Araújo e João Antônio Sousa Paulo Neto (ambos do DF)
Cartões amarelos: Deda e Rafael Ueta (Ponte Preta). Ferdinando, Vandinho e Zé Rodolpho (Avaí)
Cartão vermelho: Ferdinando (Avaí)

Gols: PONTE PRETA: Leandrinho, aos oito minutos do primeiro tempo, aos 11 e aos 48 do segundo tempo.
AVAÍ: Marcus Vinícius, aos 27 minutos do primeiro tempo. Vandinho, aos 11 minutos do segundo tempo.

PONTE PRETA: Aranha; Eduardo Arroz, Gum, Jean e Vicente; Deda, Ricardo Conceição (Rafael Ueta), André e Leandrinho; Wanderley (Marcelo Soares) e Luís Ricardo (Danilo Neco)
Técnico: Paulo Bonamigo

AVAÍ: Eduardo Martini; Ferdinando, Ozéia, Emerson e Zé Rodolpho; Marcus Vinicius, Batista, Marquinhos (Juliano) e Válber; Vandinho e Odair (Jandson)
Técnico: Silas

Outros resultados da Série B:


Leia mais sobre: Ponte Preta Avaí Série B

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo