iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

25/07 - 09:13

Jogadores do Furacão acham que time se defendeu demais

"É difícil falar de cabeça quente. É complicado, poderíamos ter feito gol e não ter tomado, analisou Joãozinho

Gazeta Esportiva

RECIFE - Depois de quase 90 minutos se defendendo, mais pela postura em campo do que pela força ofensiva do Sport, o Atlético Paranaense saiu de campo derrotado e sem criar grandes chances de gol. Na avaliação do atacante Joãozinho, o time recuou demais e não teve força ofensiva, nem mesmo quando estavam quatro atacantes em campo.

'É difícil falar de cabeça quente. É complicado, poderíamos ter feito gol e não ter tomado”, analisou o jogador, que pediu mais agressividade à equipe. “Eu procuro correr e dar meu máximo independente de estar isolado ou não, mas creio que está faltando mais agressividade. O time tem que pensar grande, tem que demonstrar agressividade dentro e fora de casa', completou.

Para o volante Chico, que novamente jogou na zaga, o gramado atrapalhou e o time não conseguiu trabalhar os contra-ataques. 'Jogar em casa é bom até porque aqui o gramado estava ruim. Sentimos o campo pesado e isso dificulta o toque e a saída de bola. Nossa proposta era sair no contra-ataque, mas naquele momento faltou atenção defensiva. Tentamos mas não conseguimos', finalizou.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo