iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

25/07 - 19:45

Fábio Costa e Adriano podem enfrentar o Vasco

Dependendo da avaliação na manhã deste sábado, goleiro poderá ser liberado para treinar e jogar

Gazeta Esportiva

SANTOS - Diante de tantos problemas na equipe, o técnico Cuca recebeu duas boas notícias nesta sexta-feira, durante o treino regenerativo do Santos no CT Rei Pelé. A principal delas é a recuperação do goleiro Fábio Costa, que segue em tratamento intensivo no Cepraf do clube e poderá voltar a jogar neste domingo, contra o Vasco, na Vila Belmiro. O volante Adriano também tem chances de reforçar o time.

Depois de sofrer um estiramento no músculo reto femoral da coxa, em treino realizado no dia 14 de julho, a previsão inicial para o retorno do goleiro era de 20 dias. Segundo o médico santista Carlos Braga, houve uma rápida evolução na recuperação do capitão alvinegro, e, dependendo da avaliação que será realizada na manhã deste sábado, Fábio Costa poderá ser liberado para treinar.

'Se treinar sem dores na coxa, poderá até jogar no domingo. Clinicamente, ele está bem. O problema é que não fez atividade com o grupo desde que se lesionou. Por isso, vamos decidir com o preparador físico a possibilidade', explicou Braga.

A recuperação de Fábio Costa vem em boa hora, já que o reserva Felipe não adquiriu a confiança suficiente para substituir o capitão santista. O jovem goleiro foi apontado como um dos principais responsáveis pela derrota no clássico diante do Palmeiras (4 a 2) nessa quinta-feira, por falhas nos dois últimos gols da partida.

O volante Adriano, que deixou o Palestra Itália com uma contusão no joelho, também apresentou melhora. É mais um que será reavaliado antes da atividade de sábado.

“O Adriano recebeu uma pancada no joelho. O local estava bastante inchado, mas amanheceu um pouco melhor. Vamos aguardar o treino para ver como está o local da contusão”, analisou Braga.

Leia mais sobre: Santos Fábio Costa Adriano

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo