iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

24/07 - 00:11

Vasco e Fluminense empatam em clássico de seis gols

Equipes de Renato Gaúcho e Antônio Lopes não conseguiram vencer e continuam em situação difícil na tabela; Milton Neves comenta

Gazeta Esportiva


RIO DE JANEIRO - O resultado não foi bom para nenhum dos dois, mas não faltaram emoções no clássico carioca desta 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, entre Vasco e Fluminense. Jogando no Maracanã, as equipes de Renato Gaúcho e Antônio Lopes empataram em 3 a 3 e continuam em situação difícil na tabela: o Flu permanece na 18ª colocação com 14 pontos, enquanto o Vasco subiu para 12º com 17.

Edmundo fez dois e Leandro Amaral também marcou para o Vasco. Washington também deixou dois e Tartá marcou o seu, para descontar para o Flu.

Precisando desesperadamente da vitória, o Fluminense tomou a iniciativa da partida logo no início. O Vasco, por sua vez, era rápido nos contra-ataques e foi o primeiro a levar perigo. Morais e Wagner Diniz fizeram jogada em velocidade pela direita, e a bola terminou com o lateral, que entrou na área, foi à linha de fundo e cruzou para trás. Leandro Amaral, da pequena área, perdeu gol incrível ao tocar por cima do gol vazio, aos 14 minutos.

O Vasco mostrava sua habitual fragilidade defensiva, mas do meio para frente, Morais, Edmundo e Madson faziam a diferença. E o gol saiu de uma bela triangulação, aos 18 minutos: Morais recebeu na altura do grande círculo e lançou Madson na esquerda do ataque, o meia penetrou na área e cruzou na medida para o Animal Edmundo entrar pelo meio e, da marca do pênalti, tocar no contrapé de Ricardo Berna.

A partida seguiu equilibrada, com o Fluminense tendo mais volume de jogo, mas o Vasco, na base da vontade, era sempre perigoso. O Flu teve boa chance aos 31 com Dodô. Fabinho enfiou para Washington, que tocou para o atacante. A zaga do Vasco se atrapalhou e não conseguiu cortar, e a bola sobrou para o Dodô, que quase marcou, não fosse a chegada salvadora de Souza para desviar o chute para a linha de fundo.

Se o jogo já era bom no primeiro tempo, ficou melhor ainda no segundo. Aos oito minutos, Leandro Amaral recebeu na linha média e avançou até a marca do pênalti com a zaga do Flu só cercando. O artilheiro se redimiu do gol perdido no primeiro tempo e deu um chute certeiro no canto direito de Ricardo Berna: Vasco 2 a 0.

A torcida ainda comemorava quando o Flu respondeu. Rafael tocou para Dodô na área, este tocou de primeira para Washington, que avançou e, mesmo marcado, chutou cruzado e venceu Tiago: 2 a 1.

Quatro minutos depois, o Vasco roubou uma bola em seu campo e ligou o contra-ataque pela esquerda. Em velocidade, Morais avançou pela esquerda e levantou na medida para Edmundo dentro da área. O Animal chutou de voleio com a canhota e marcou outro belo gol, colocando o Vasco em vantagem de dois gols mais uma vez.

Mesmo em desvantagem, o Flu não desanimou e continuou a buscar o ataque, aproveitando que o Vasco havia diminuído o ritmo. E, aos 27, o jogo voltou a ficar quente: Rodrigo Antônio faz pênalti em Dodô. Washington cobrou e fez o segundo do Flu.

Edmundo cansou e saiu aos 33, e não assistiu ao empate Tricolor de dentro do campo. Somália, que havia entrado no lugar de Rafael, fez linda jogada pela direita da área e cruzou rasteiro para Tartá empurrar para o fundo das redes.

Depois de sofrer o empate, o Vasco viu a situação ficar pior aos 38 com a expulsão de Morais, que levou o segundo amarelo. O Flu partiu para tentar a vitória e quase chega ao quarto gol aos 47. Somália tocou para Dodô na área e o atacante mandou de primeira, mas Luizão salvou desviando.

No último lance do jogo, o Vasco teve a sua chance de sair vencedor num chute de Wagner Diniz, que desviou em Junior Cesar e raspou no travessão. No final, o clássico eletrizante ficou mesmo nos 3 a 3. O Fluminense volta a campo no sábado diante do Cruzeiro, no Maracanã. Já o Vasco encara o Santos, no domingo, na Vila Belmiro.

FICHA TÉCNICA (veja como foi lance a lance)
VASCO-RJ 3 X 3 FLUMINENSE-RJ

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 23 de julho de 2008, quarta-feira
Horário: 21h50min (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ)
Assistentes: Wagner Santos e Ricardo Maurício Ferreira (Ambos do RJ)
Cartões amarelos: Eduardo Luiz, Souza, Morais (Vasco); Junior César, Washington, Darío Conca (Fluminense)
Cartão vermelho: Morais (Vasco)
Gols: VASCO: Edmundo, aos 18 e aos 13 minutos do segundo tempo; Leandro Amaral, aos oito minutos do segundo tempo. FLUMINENSE: Washington, aos nove e aos 29 minutos do segundo tempo

VASCO: Tiago, Rodrigo Antônio, Luizão e Eduardo Luiz; Wagner Diniz, Edu (Marcos Vinícius), Souza, Morais e Madson (Leandro Bonfim); Edmundo (Jean) e Leandro Amaral
Técnico: Antônio Lopes

FLUMINENSE: Ricardo Berna, Rafael (Somália), Luiz Alberto, Roger e Júnior César; Fabinho, Maurício (Tartá), Arouca e Darío Conca; Dodô e Washington
Técnico: Renato Gaúcho

Leia também:


Leia mais sobre: Vasco Fluminense Campeonato Brasileiro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo