iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

24/07 - 15:14

Quieto no clássico, Renato Gaúcho culpa rigor da arbitragem

"Quero saber quem foi o gênio que inventou esta regra", disparou o técnico, já expulso algumas vezes da beira do campo

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - No empate por 3 a 3 entre Vasco e Fluminense nessa quarta-feira, um fator que chamou a atenção foi o fato de Renato Gaúcho permanecer durante quase todo o tempo sentado em um banquinho, colado ao banco de reservas. O técnico explicou seu atípico comportamento em meio a críticas à arbitragem.

“Eu não quero ser expulso de campo. Quero ficar à beira do campo para trabalhar, mas os árbitros não deixam. Quero saber quem foi o gênio que inventou esta regra”, disparou o comandante tricolor, já expulso algumas vezes da beira do campo em sua curta carreira como treinador.

“Em outros esportes como basquete, futsal, vôlei, os treinadores ficam ali trabalhando na beira da quadra. Não vejo nenhum problema do treinador poder trabalhar na beira do campo. Se ele estiver atrapalhando a arbitragem basta o árbitro expulsá-lo”, continuou Renato Gaúcho.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo