iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/07 - 01:05

Sanchez prevê centenários sem problemas para o Corinthians

Presidente do Corinthian já planeja a situação financeira do time para a próxima temporada com otimismo

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Com uma dívida que ultrapassa R$ 100 milhões, o presidente Andrés Sanchez sofre na primeira gestão do Corinthians pós-Alberto Dualib e MSI. Mas não perde o otimismo. Acredita que em 2010 o clube já estará livre de problemas.

“Creio que até dezembro as coisas já estarão mais arrumadas para termos um bom 2009. Depois, vamos entrar no ano do centenário com os problemas resolvidos”, discursou, em entrevista à Rádio Globo.

Um pouco grisalho, Sanchez garante que o Corinthians não lhe traz dificuldades estéticas. “Os cabelos brancos são pela idade, realmente. Infelizmente, nós, homens e mulheres, ficamos com os cabelos brancos quando estamos passando dos 44 anos”, filosofou o cartola, que fará seu 45º aniversário no dia 24 de dezembro, véspera de Natal.

Para sanar as dívidas do clube e não envelhecer precocemente por preocupação, Sanchez recorre principalmente a negociações de jogadores. O último que deixou o Parque São Jorge foi o lateral-esquerdo Éverton Ribeiro, emprestado ao São Caetano, mas apenas por falta de espaço no elenco.

“Renovei contrato com o Éverton até 2012. Ele saiu porque já contávamos com o André Santos e o Saci para a posição, mas é um menino que poderá ter um grande futuro no Corinthians”, explicou André Sanchez, que não pretende forçar a saída de outros jogadores que provavelmente não dariam muito lucro ao clube. “O Marcel e o Lima têm contratos até o final do ano. Quero cumprir o acordo de todo mundo.”

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo