iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

22/07 - 19:25

Pablo troca o Vasco pelo futebol espanhol

Jogador tem seus direitos presos ao Olaria e deve se transferir para o Zaragoza (ESP)

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - O Vasco também sofre com a janela de transferências para o exterior. Nesta terça-feira, o meia Pablo, que tem atuado improvisado na lateral e que tem os direitos federativos presos ao Olaria, deixou praticamente acertada a sua transferência para o Zaragoza.

O jogador já não apareceu para treinar nesta terça-feira, e não enfrenta o Fluminense nesta quarta. O presidente Roberto Dinamite, que não tocou no nome de Pablo, admitiu que o clube poderá perder um jogador titular nos próximos dias.

“Existe uma situação clara de um jogador que não é do Vasco, é de outro clube. Fica difícil segurar um jogador assim, com uma proposta de fora, com o salário que ele recebe no Vasco”, comentou.

Já o técnico Antônio Lopes falou sobre a saída de Pablo. “É um jogador que estava em formação, mas já estava provando que poderia ser um grande atleta. Ele tem uma competência futebolística muito grande. Tem uma boa parte técnica e é um jogador inteligente. O Vasco vai perder, sem dúvida, com a saída deste jogador”, afirmou.

Enquanto isso, o presidente do Vasco, Roberto Dinamite, reuniu a imprensa nesta terça-feira para confirmar a negociação envolvendo o jovem Philippe Coutinho. O jogador, de apenas 16 anos, foi vendido para a Internazionale de Milão, clube que passará a defender a partir dos 18 anos. Roberto afirmou que a negociação já estava acertada pela antiga diretoria cruzmaltina, chefiada por Eurico Miranda.

Pela negociação, o Vasco deverá receber cerca de 3,8 milhões de euros, bem abaixo dos cinco milhões citados pela imprensa no início da semana. O clube carioca receberá esta quantia em três parcelas, sendo a primeira agora e as outras duas em 2009 e 2010. Roberto Dinamite mostrou descontentamento com o valor da transferência.

“Essa venda do Philippe não resolve praticamente nada em relação aos problemas e compromisso do Vasco. Mas esperamos que ele possa ajudar o Vasco nestes dois anos”, comentou o dirigente.

Roberto Dinamite garantiu que pretende mudar a relação entre o Vasco e os empresários, para evitar que outras revelações deixem São Januário.

“Qualquer jogador da base é importante ao clube. Agora começa uma nova fase em nosso Vasco. Temos objetivo em montar uma equipe forte, me preocupo com a formação dos atletas porque não queremos que os empresários venham aqui, coloquem o jogador só para atuar no Carioca e no final o clube ficar sem direito nenhum. A parceria deve ser boa para os dois lados entre empresários e clube. O atleta precisa ficar o maior tempo possível no clube”, disse.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo