iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

22/07 - 10:25

Jorge Wagner prevê jogo duro em sua antiga casa
Zé Luis também não acredita em jogo fácil contra o Colorado, que vem mostrando ascensão nas mãos do técnico Tite

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Campeão da Libertadores da América em 2006 com a camisa do Internacional, o meia Jorge Wagner é, hoje, peça fundamental no esquema de Muricy Ramalho no time do São Paulo, curiosamente o adversário derrotado na final da competição continental, há dois anos.

Prestes a retornar à casa onde conquistou o principal título de sua carreira, o jogador revelou que já foi “cobrado” no Morumbi por causa da Libertadores de 2006.

“Quando cheguei aqui, o pessoal do Reffis me cobrou e disse que devia dar ao São Paulo um título com o peso da Libertadores”, comentou, sorrindo, antes de emendar o que espera em seu retorno ao Beira-Rio, na noite da próxima quarta-feira.

“Será mais um jogo difícil. Tive a oportunidade de jogar lá durante dois anos e conheço muito bem ali. O Inter é uma equipe que gosta de atacar e faz marcação muito forte, principalmente no meio-campo. Eles olharão nossos pontos fortes e tentarão anular. Acredito que deva haver uma marcação especial, mas não só em mim”, apostou o jogador, principal “assistente” da equipe são-paulina no ano, tendo participado diretamente de 18 gols do time na temporada.

Zé Luis também não acredita em jogo fácil contra o Colorado, que vem mostrando ascensão nas mãos do técnico Tite. Mas espera engatar a quarta vitória seguida no Brasileirão diante do Colorado.

“O Inter é muito forte jogando no Beira-Rio e a gente respeita isso, mas vamos em busca de uma vitória. Estamos somente a uma vitória do Flamengo e temos que tentar chegar o mais próximo possível dele”, finalizou.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo