iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

22/07 - 13:49

"Espero me despedir do Barça no Camp Nou", diz Ronaldinho Gaúcho
Ronaldinho diz que agora defende um "grande clube", mas lamenta sair de um lugar onde teve sucesso

EFE

BARCELONA (Espanha) - O meia brasileiro Ronaldinho Gaúcho, que recentemente foi contratado pelo Milan junto ao Barcelona, escreveu uma carta de agradecimento ao clube espanhol e revelou que ainda pretende se despedir no estádio Camp Nou.

No texto, o jogador revelado pelo Grêmio disse que foi "muito feliz" na Espanha e agradeceu "o carinho da torcida".

"Foi divertido jogar no Barça e divertir todos os torcedores. Sempre me senti próximo das pessoas na cidade, que sempre foram afetuosas. Espero, um dia, poder me despedir no Camp Nou", disse.

Embora diga que agora defende um "grande clube", Ronaldinho lamentou ter saído de um lugar onde teve tanto sucesso.

"Foi uma pena deixar um lugar onde conquistei títulos e vivi muitas emoções. Os brasileiros jogam futebol também para fazer as pessoas felizes. Esse foi um dos meus objetivos e fico satisfeito por ter conseguido", disse.

Além disso, o meia mandou uma mensagem a seus ex-companheiros e disse que "foi uma honra" estar ao lado destes jogadores.

"Foi uma honra atuar ao lado de jogadores de tanta qualidade profissional, mas sobretudo humana", afirmou.

Ronaldinho reconheceu a importância dos ex-companheiros na conquista de prêmios individuais, como a Bola de Ouro, concedida pela revista francesa "France Football", e a eleição como melhor jogador do mundo pela Fifa, em 2004 e 2005.

"Devo agradecer a meus companheiros e ao clube pelos troféus individuais que recebi, especialmente a Bola de Ouro e o prêmio da Fifa", lembrou.

No final da carta publicada no site oficial do Milan, o brasileiro disse ter vivido "alguns dos melhores anos de sua vida".

"Gostei de ser feliz em Barcelona e com o Barcelona. Guardarei em meu coração tanto carinho. O futebol é um jogo, é uma festa, é um esporte para se divertir e entreter. É preciso jogar sorrindo. Obrigado por sorrir comigo", concluiu.


Leia mais sobre: Ronaldinho Milan Barcelona

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Reuters

Despedida
"É preciso jogar sorrindo. Obrigado por sorrir comigo", concluiu o jogador na carta

Topo