iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

21/07 - 20:10

Santos entra com recurso para reduzir suspensão de Rodrigo Souto
Rodrigo Souto foi flagrado no exame antidoping do jogo entre San José e Santos, em 19 de março, em Oruro

Gazeta Esportiva

SANTOS - O departamento jurídico do Santos começou a trabalhar, porém em sigilo, na defesa do volante Rodrigo Souto, supenso pela Fifa por doping.

No recurso que será apresentado, provavelmene ainda nesta semana, ao Tribunal Arbitral de Esporte, em Lausanne, na Suíça, os advogados do clube tentarão a redução da pena de dois anos imposta ao jogador.

Na última sexta-feira, o Santos recebeu um comunicado da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informando a suspensão dos dois anos, mas a pena foi considerada pesada pela direção santista.

O clube não se pronunciou sobre o tipo de defesa que será usado no caso, mas os advogados estão apurando cada detalhe da decisão da Fifa. Já teriam argumentos suficientes para defender o atleta, uma vez que o clube encontrou algumas falhas nas análises da comissão julgadora.

Rodrigo Souto foi flagrado no exame antidoping do jogo entre San José e Santos, em 19 de março, em Oruro, na Bolívia, válido pela fase de grupos da Copa Libertadores da América. A prova e a contraprova analisada pela Fifa confirmaram a presença da substância benzoilecgonina, um metabólito primário de cocaína.

Na próxima quarta-feira, o departamento jurídico do Santos se reunirá com o especialista em direito esportivo internacional Marcos Motta, que deverá participar da defesa de Souto. Ele já defendeu jogadores como Ronaldinho Gaúcho (1999), Athirson (2000), Juninho Pernambucano (2002), Marcelinho Carioca (2004), Robinho (2005) e Nilmar (2007).


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo