iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

20/07 - 22:20

Diretoria do Palmeiras estuda punição a Denílson
Se tiver necessidade de uma medida enérgica, vamos tomar”, avisou o diretor de futebol Savério Orlandi

Gazeta Esportiva

GOIÂNIA - Desfalcar o Palmeiras no clássico contra o Santos, quinta-feira, poderá não ser a única punição ao meia Denílson por ser expulso após a derrota para o Goiás. A diretoria admite multar o jogador pela reclamação ao árbitro Alicio Pena Júnior.

“Óbvio que vamos analisar a expulsão. Foi um lance que nos pegou de surpresa, quando já estávamos descendo para o vestiário. É preciso analisar o que aconteceu com critério e frieza. Se tiver necessidade de uma medida enérgica, vamos tomar”, avisou o diretor de futebol Savério Orlandi.

O técnico Vanderlei Luxemburgo evitou se posicionar sobre a punição, mas criticou muito Denílson. “Ele não pode ser expulso como foi. A punição é uma coisa que deve ser definida internamente. Não quero falar, mas também não posso omitir o que senti. Essa situação nos deixa sempre na gangorra, no pau de sebo”, declarou.

Nem mesmo Orlandi sabe qual será a opinião de Luxemburgo. “Não quis conversar com o Vanderlei nesse momento, até pelo calor da derrota, mas a diretoria irá se reunir e falar com a comissão técnica para decidir sobre punir ou não”, repetiu o dirigente, que também analisará multa ao atacante Kléber, outro expulso na derrota para o Goiás.


Leia mais sobre: Palmeiras Brasileirão Denílson

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo