iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

19/07 - 11:32

Santos vai trabalhar defesa de Rodrigo Souto em sigilo

Na última sexta-feira, o Santos foi informado da suspensão por doping, de dois anos, do volante Rodrigo Souto

Gazeta Esportiva

SANTOS - Depois de receber um comunicado da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na última sexta-feira, informando a suspensão de dois anos, por doping, do volante Rodrigo Souto, o departamento jurídico do Santos entrará com um recurso junto a Comissão de Apelação da Fifa para apresentar a defesa do atleta.

No entanto, os advogados do clube não irão se pronunciar sobre o tipo de defesa que será usada no caso.

Souto foi pego no exame antidoping feito após a partida entre Santos e San José, pela primeira fase da Copa Libertadores, em Oruro, na Bolívia. O atleta já declarou ser inocente, negando ter usado qualquer substância ilícita.

A prova e a contraprova analisada pela Fifa confirmaram a presença da substância benzoilecgonina, um metabólito primário de cocaína. Com a decisão oficial sobre a suspensão, não haverá necessidade de qualquer julgamento sobre o caso na entidade máxima do futebol.

Há dez dias, quando o clube foi notificado pela Conmebol, o gerente jurídico do Santos, Mário Mello, anunciou que só falaria sobre o assunto depois da palavra oficial da Fifa, o que já aconteceu. Mas, por enquanto, a defesa do jogador deve ser mesmo trabalhada em sigilo.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo