iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

19/07 - 11:02

Corinthians revive confronto tradicional contra o Bahia
Líder isolado da Série B, o alvinegro tentará quebrar um tabu de 11 anos contra o tricolor baiano

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Corinthians e Bahia não se enfrentam há quase cinco anos, desde que a equipe nordestina derrotou a paulista por 2 a 1 em 30 de novembro de 2003. Às 16h10 (de Brasília) deste sábado, os clubes detentores de cinco títulos brasileiros, somados, irão se reencontrar no Pacaembu, porém pela Série B.

O Corinthians conta com larga vantagem para retornar à elite, na liderança isolada com 27 pontos, enquanto o Bahia figura no 12º lugar com 14. Por outro lado, o time visitante esbanja tabu de 11 anos sem derrotas para o adversário (a última foi por 2 a 1, gols de Donizete e do hoje dirigente Antônio Carlos). “Chegou a hora de a banca pagar”, sorriu o técnico Mano Menezes.

Há até quem encare o confronto tradicional como um clássico. Revelado pelo Vitória, o goleiro Felipe afirmou que sente “ódio” do Bahia. “É um dos clubes que não sou muito fã. Quero vencê-los com o Corinthians e, depois, ligar para alguns amigos que torcem pelo Bahia para tirar sarro”, projetou o jogador, que jamais perdeu para o arquiinimigo como profissional.

Felipe confessa que, durante a partida, os torcedores do Bahia terão motivos para debochá-lo. “Não gostei da nova camisa do Corinthians. Preto de amarelo é sacanagem, né? As pessoas me chamarão de lombada, banana”, previu o goleiro. O Corinthians estreará o novo design de seu uniforme neste sábado; o principal é branco com finas listras escuras.

As novidades do Corinthians não se resumem ao visual de suas camisas. Finalmente curado de conjuntivite, o volante Fabinho retomará seu lugar no meio-campo. “É um jogador muito importante para o time, até por sua liderança”, elogiou Mano Menezes, que, por outro lado, não contará com o atacante Dentinho e o zagueiro Chicão, suspensos.

O técnico confirmou que o uruguaio Acosta e o contestado Fábio Ferreira ficarão com as vagas abertas na equipe. No meio-campo, Lulinha seguirá como substituto de Douglas. O camisa 10 já está recuperado de entorse no joelho esquerdo, porém Mano preferiu preservá-lo, pelo menos, até o segundo tempo da partida.

Já o Bahia tem nada menos que sete desfalques para enfrentar o líder da Série B. Enquanto Alisson, Cléber Carioca, Ávine, Emerson Cris e Fausto estão suspensos, Charles e Marcelo Ramos foram vetados pelo departamento médico. “O Bahia virá mais desentrosado, mas isso não quer dizer muita coisa. Hoje, titulares e reservas são muito parecidos. A escalação é uma questão de preferência”, comentou Mano Menezes.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X BAHIA

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 19 de julho de 2008, sábado
Horário: 16h10 (de Brasília)
Árbitro: Willian Marcelo Souza Nery (RJ)
Assistentes: Paulo César Pereira de Freitas e Ezequiel Barbosa Alves (ambos do MS)

CORINTHIANS: Felipe; Denis, William, Fábio Ferreira e André Santos; Fabinho, Eduardo Ramos, Elias e Lulinha; Acosta e Herrera
Técnico: Mano Menezes

BAHIA: Darci; Fábio, Marcone, Padovani e Adilson; Rogério, Luciano Totó, Rafael e Elias; Jones e Galvão
Técnico:
Arturzinho


Leia mais sobre: Corinthians Bahia Série B Herrera

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

25 anos
Herrera faz aniversário neste sábado e é uma ds armas do Corinthians contra o Bahia

Topo