iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/07 - 16:56

Irã protesta contra Egito por cancelamento de jogo
Egípcios desistiram de amistoso por causa de polêmico filme iraniano

Trivela.com

TEERÃ (Irã) - A federação do Irã decidiu fazer um protesto formal à Fifa caso o Egito mantenha sua decisão de cancelar o amistoso entre as duas seleções, previsto para o dia 20 de agosto, nos Emirados Árabes. As relações políticas entre os dois países estão delicadas por causa de um polêmico firme iraniano sobre o assassinato do ex-presidente egípcio Anwar Sadat.

'Se o jogo for cancelado, vamos fazer uma reclamação à Fifa', disse o presidente da federação iraniana, Ali Kafashian, ao site da emissora estatal do país. 'É uma questão política, e vamos mencionar à Fifa que os egípcios estão misturando questões políticas e esportivas'.

O técnico da seleção iraniana, Ali Daei, também criticou a postura do Egito: 'O esporte está sendo usado como um instrumento nas mãos dos políticos'.

O filme 'Assassinato de um Faraó' diz que Sadat foi morto por ter assinado o acordo que levou ao tratado de paz com Israel, em 1979. Foi o primeiro país árabe a firmar um tratado com os israelenses.

O presidente da federação egípcia, Samir Zaher, disse que o cancelamento da partida se justifica pela 'tensão nas relações entre Cairo e Teerã'.

Durante os anos 80, os dois países tiveram problemas diplomáticos, não apenas pelo reconhecimento de Israel pelo Egito, mas também pelo apoio israelense ao Iraque durante a guerra com o Irã entre 1980 e 1988. As relações vinham melhorando nos últimos tempos.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo