iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/07 - 19:31

Com ânimo renovado, Cuca diz que estréia no Santos

“Tomara que a gente consiga essa primeira vitória para acabar com essa ansiedade”, afirmou

Gazeta Esportiva

SANTOS - Depois de pedir demissão do Santos e recuar por causa de um pedido do presidente Marcelo Teixeira, o treinador Cuca decidiu apagar os tropeços que viveu até agora e encarar a partida contra o Sport como um recomeço. O técnico disse que o jogo de domingo será sua estréia na Vila.

“Tomara que a gente consiga essa primeira vitória para acabar com essa ansiedade”, afirmou, em entrevista à Rádio Globo.

Há oito jogos sem vencer no comando da equipe, Cuca chegou a entregar seu cargo à diretoria da equipe após a derrota por 3 a 0 para o Figueirense. No entanto, Marcelo Teixeira, presidente da equipe, garantiu a permanência do treinador e pediu mais emprenho dos atletas.

Cuca atribuiu a má fase da equipe ao nervosismo e à ansiedade de seus atletas. De acordo com o treinador, foi esse o motivo da goleada no Sul e dos recentes fracassos do time. “No primeiro tempo, perdemos chances claras antes do primeiro gol do Figueirense. Tomamos o primeiro gol de cabeça, com menos de 15 minutos, o que já vem acontecendo há seis jogos. Não podemos deixar isso acontecer”, lamentou o treinador.

Cuca acredita que a ansiedade demonstrada pelo grupo é culpa da falta de seqüência de jogos com o mesmo time, que tem levado os jogadores a tentar resolver as partidas individualmente.

“O coletivo tem de falar mais alto do que a individualidade. Você não vai conseguir fazer uma equipe jogar bonito sem jogar como grupo. O conjunto vem com a seqüência de jogos”, analisou Cuca.


Leia mais sobre: Cuca Santos

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo