iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

17/07 - 11:49

A nova fase do Borussia
Clube aposta em revelações e time de Dortmund pode iniciar uma nova fase

Trivela.com

DORTMUND (Alemanha) - A temporada 2008/9 pode representar uma tentativa de mudança profunda na mentalidade do Borussia Dortmund. O clube inicia um processo de renovação e, principalmente de rejuvenescimento do elenco que além da Bundesliga, disputará a Copa Uefa.

Esta mudança na filosofia do clube começou pelo banco de reservas com a chegada de Jurgen Klopp, treinador com uma mentalidade jovem, que realizou um trabalho convincente durante a temporada passada na segunda divisão, à frente do Mainz 05.

Desde que iniciou seu trabalho, Klopp treinou a equipe, indicou contratações e escolheu, com bastante naturalidade, Sebastian Kehl para ser o capitão de sua equipe. No empate em 2 a 2, no jogo treino contra o FC Basel, Kehl marcou um dos gols. A partida foi marcada por muita confusão entre torcedores e precisou ser paralizada.

Assim como o novo comandante, até o momento, as principais contratações realizadas seguem esta proposta: Mats Hummels, zagueiro central, de 19 anos, Felipe Santana, zagueiro, de 22 e Neven Subotic, com 19, chegaram para reforçar o setor defensivo da equipe.

O promissor Hummels veio do Bayern de Munique, mas sem mostrar muito de seu futebol. O brasileiro Felipe Santana, forte principalmente nas jogadas aéreas, destacou-se no Figueirense se juntam ao sérvio Antônio Rukavina, que também chegou ao clube neste ano.

Aliás, apesar de jovem, Subotic e Klopp têm uma relação de confiança desde os tempos de Mainz. “Eu não tenho nenhum receio em colocar um jogador de 19 anos no centro da minha defesa”, defendeu-se o treinador, ao ser questionado sobre a aposta. Aliás, o setor defensivo do time foi um dos mais questionados na última temporada.

Além de realizar o desejo do treinador, a contratação de Neven Subotic também foi vista como uma oportunidade pelos dirigentes que adquiriram o jogador por 4 milhões de euros, metade do que exigiu o Les Mans por Marko Basa, pretendido pelo clube.

“Este é o caminho certo”, declarou o diretor Hans Joachim Watzke, que ainda afirma que o modelo passa pela aprovação de seus torcedores.

A mudança tem boas chances de ser positiva, mas como todo processo, pode levar tempo. Isso porque a torcida do Borussia não é exatamente a mais paciente e transformações assim não costumam dar resultados em curto prazo.

Diego- CBF- Werder Bremen-Fifa

Depois de muita discussão, certa polêmica e algumas intervenções, a decisão foi tomada em uma reunião entre Diego, o diretor de futebol Klaus Allofs e o técnico Thomas Schaaf: o jogador não vai defender a seleção brasileira, nos Jogos Olímpicos de Pequim.

O ex-santista se justificou e afirmou que ter a oportunidade de conquistar o ouro olímpico é um sonho. Porém, ele preferiu seguir as recomendações de seu clube e participar da preparação e das primeiras partidas da temporada. 'Diego é um dos nossos jogadores-chave e não podemos dispensá-lo por várias semanas', declarou o dirigente.

Mas ainda existe um problema: a Fifa exigiu que os clubes liberassem os atletas convocados com menos de 23 anos para os jogos olímpicos. Porém, o Bremen, que também não liberou o sérvio Dusko Tosic, não teme uma punição. O que possivelmente não acontecerá já que não faz parte da política da entidade se indispor com clubes.

Falta pouco para o Hertha Berlim

Nesta quinta-feira, o Hertha Berlim estréia na fase preliminar da Copa da Uefa contra o o Nistru Otaci. Se Lucien Favre recebeu o reforço do brasileiro Cícero, ex-Fluminense e do zagueiro Kaká. A equipe segue com muitos problemas no elenco.

Arne Friedrich ainda está em férias por ter defendido a seleção alemã na Eurocopa, Nicu e Simunic, não foram liberados pelo departamento médico. Aliás, Kaká deve assumir a vaga de Simunic contra o clube romeno. Já Okoronkwo retornou da apresentação da seleção olímpica da Nigéria.

Já o brasileiro Lúcio segue com um trabalho de fortalecimento muscular.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo