iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/07 - 23:56

São Paulo bate Vitória e encosta no G-4
Com gols de Hugo, Dagoberto e Éder Luis, o Tricolor chegou aos 20 pontos e encostou no G-4

Gazeta Esportiva

SALVADOR - O São Paulo mostrou que tem mesmo uma força a mais quando atua contra concorrentes diretos pelas primeiras posições. Depois de ganhar do Palmeiras na rodada passada, o Tricolor derrotou o Vitória por 3 a 1 na noite desta quarta-feira, no Barradão, e se aproximou da zona de classificação para a Copa Libertadores.

Com gols de Hugo, Dagoberto e Éder Luis, o time de Muricy Ramalho chegou aos 20 pontos no Campeonato Brasileiro e encostou no G-4, já que ocupa o sexto lugar, com apenas um ponto a menos que o quarto colocado, o Palmeiras. Já o Vitória, que descontou com Dinei, possui a mesma pontuação que o Tricolor e aparece em quinto, pois leva vantagem nos critérios de desempate.

O São Paulo volta a campo no domingo para enfrentar o Botafogo, no estádio do Morumbi. O Rubro-negro baiano, por sua vez, atuará no mesmo dia contra o Flamengo, no Maracanã.

O jogo: O Vitória começou a partida pressionando o São Paulo e apostando na velocidade de seus jogadores de frente. Logo aos cinco minutos, Williams avançou pela direita na linha de fundo e cruzou para Marquinhos mandar para as redes. No entanto, o árbitro assinalou saída de bola no momento do cruzamento e, por isso, não validou o gol. Instantes depois, Marco Antônio cobrou falta de longe, e Rogério Ceni segurou.

Depois de suportar as investidas iniciais dos donos da casa, o Tricolor se lançou à frente e aproveitou para abrir o placar. Aos 12 minutos, Hernanes cruzou da direita para Hugo, que, sozinho, teve tranqüilidade para cabecear para as redes.

Mesmo depois do gol, o Rubro-negro baiano continuou em busca do sistema ofensivo, mas encontrou dificuldades para furar o bloqueio da defesa tricolor. Além disso, o São Paulo ainda alfinetava os donos da casa na frente. Em uma das tentativas da equipe local, Ramon cobrou falta com força, mas Rogério segurou a bola.

Aos poucos, o São Paulo passou a ditar o ritmo da partida, que foi prejudicada com o excessivo número de passes errados dos dois times. O Tricolor, porém, chegou perto de ampliar em cruzamento fechado de Jorge Wagner, que Viáfara afastou ao se esticar. O Vitória ainda tentou responder em batidas de longe, mas sem pontaria.

As duas equipes voltaram sem alterações para a etapa final, e o Vitória arriscou logo no primeiro minuto, quando Ramon cobrou falta com perigo, que Rogério defendeu. Instantes depois, Williams bateu da intermediária, e o arqueiro segurou novamente. Na resposta tricolor, Hernanes arriscou de longe, e Viáfara defendeu. Pouco depois, Éder Luis apareceu no meio dos defensores do Vitória e saiu de frente para Viáfara, que conseguiu fazer a defesa na finalização do são-paulino.

Aos 11 minutos, o Tricolor contou com duas ótimas defesas de Rogério para se manter na frente. O arqueiro interceptou cobrança de falta de Ramon e, no rebote, defendeu com o pé direito um chute de Marco Antônio. Depois do lance, Vágner Mancini tirou o experiente Ramon para a entrada de Ricardinho.

No entanto, as investidas do time local esbarraram na forte defesa do Tricolor. Assim, aos 28 minutos, o São Paulo encaixou um contragolpe para ampliar a vantagem. Dagoberto invadiu a área, driblou o defensor e chutou para as redes. Sem alternativas, Vágner Mancini fez duas mudanças para colocar o Vitória ainda mais no ataque. Marco Antônio e Williams deixaram a partida para as entradas de Jackson e Rodrigão. Já no São Paulo, o contundido Joílson cedeu sua vaga para Jancarlos.

No entanto, o Tricolor contou com um golaço para acabar com qualquer esperança de reação dos donos da casa. Aos 35 minutos, em um rápido contra-ataque, Éder Luis partiu em velocidade desde o meio-campo, passou pelos defensores e tocou na saída do goleiro para marcar.

No último lance do jogo, Dinei aproveitou rebote de Rogério Ceni para mandar para as redes e descontar o placar, mas já era tarde para uma reação do Vitória.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 1 X 3 SÃO PAULO
- (Veja como foi o jogo lance a lance)

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 16 de julho de 2008, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Sérgio da Silva Carvalho (DF)
Assistentes: Marrubson Melo Freitas (DF) e Pedro Jorge Santos de Araújo (AL)
Cartões amarelos: Daniel, Thiago Gomes e Anderson Martins (Vitória). Dagoberto, Joílson, Richarlyson e Zé Luis (São Paulo)
GOLS: VITÓRIA: Dinei, aos 45 minutos do segundo tempo
SÃO PAULO: Hugo, aos 12 minutos do primeiro tempo. Dagoberto, aos 28, e Éder Luis, aos 35 minutos do segundo tempo

VITÓRIA: Viáfara; Marco Aurélio, Thiago Gomes, Anderson Martins e Daniel; Vanderson, Marco Antônio (Jackson), Williams (Rodrigão) e Ramon (Ricardinho); Dinei e Marquinhos
Técnico: Vágner Mancini

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Alex Silva, Juninho e Zé Luis; Joílson (Jancarlos), Richarlyson, Hernanes, Hugo e Jorge Wagner; Dagoberto (Júnior) e Éder Luis (Pablo)
Técnico: Muricy Ramalho

Outros jogos:


Leia mais sobre: São Paulo Vitória Campeonato Brasileiro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Perto do G-4
Mesmo jogando fora de casa, o Tricolor bateu o Vitória e ficou mais perto dos líderes

Topo