iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

15/07 - 16:40

Protestos e pichações marcam a reapresentação da Lusa

Portuguesa perdeu as suas três últimas partidas pelo Brasileiro e se encontra em situação complicada

Gazeta Esportiva

A reapresentação da Portuguesa, nesta segunda-feira, foi marcada por um protesto organizado por um grupo de torcedores, no Canindé. Revoltados com a situação atual da equipe, que acumula três derrotas consecutivas, a ação incluiu faixas e cartazes pedindo a saída do treinador Vagner Benazzi.

Além do técnico, os volantes Carlos Alberto e Dias foram outros alvos dos protestos feitos. Após o fim dos trabalhos, os muros do Canindé apareceram pichados com mais protestos contra a equipe, que não conquista uma vitória há quatro rodadas.

Após o empate sem gols com o Santos e derrotas por 2 a 1 para o Vitória, 4 a 0 para o Coritiba e 2 a 1 frente ao Grêmio, a equipe volta a rondar a zona de rebaixamento, com 12 pontos conquistados em 11 jogos e a 15ª posição. A oportunidade de reação acontece nesta quarta-feira, quando a Lusa recebe o Náutico às 20h30 (de Brasília), no Canindé.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo