iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

12/07 - 18:03

Marcelinho marca, mas Timão garante empate no ABC

Wellington Saci foi quem salvou o Corinthians de perder a invencibilidade na Série B contra o Santo André

Gazeta Esportiva

SANTO ANDRÉ - O Corinthians esteve perto de perder a invencibilidade na Série B do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, Marcelinho, ídolo da Fiel, colocou o Santo André na frente, só que Wellington Saci, considerado um dos vilões da derrota na final da Copa do Brasil, marcou na etapa final e garantiu ao Timão o empate por 1 a 1 no estádio Bruno José Daniel.

A igualdade dá continuidade a um tabu. Nas três vezes que havia enfrentado o Corinthians anteriormente, com as camisas de Santos, Vasco e Brasiliense, Marcelinho também não saiu de campo com um placar favorável.

Com o resultado, o líder Corinthians acumula o terceiro empate e mantém a invencibilidade na competição, com 27 pontos. Já o Santo André segue fora do G-4, com apenas 16 pontos.

Gazeta Press
Marcelinho, com a camisa do Corinthians, não hesitou em ir para Fiel depois do jogo


Na próxima rodada da Série B, o Corinthians volta a jogar na capital paulista, sábado da semana que vem, ante o Bahia, no Pacaembu. O Santo André atua um dia antes contra o Vila Nova, em Goiânia.

Assista aos gols de Santo André 1 x 1 Corinthians!

O Jogo 
Superior tecnicamente, o Corinthians começou o confronto no ABC com ampla superioridade. A equipe do técnico Mano Menezes utilizava jogadas pelas laterais e a velocidade de seus atacantes para envolver o adversário.

As primeiras finalizações dos visitantes foram de fora da área, mas o goleiro Neneca, do Santo André, mostrou segurança nos lances. Aos 23 minutos, o Timão ficou mais próximo de abrir o placar com Dentinho, que tentou uma arremate por cobertura. Atento, Neneca desviou a bola para escanteio.

Com dificuldades de atacar, o Santo André contou com uma falha incrível da zaga corintiana para ficar em vantagem. Aos 26 minutos, depois de um lançamento em direção de Márcio Mixirica, Felipe e Chicão trombaram dentro da área e deixaram a bola de presença para Marcelinho Carioca completar de cabeça. Ao ver a bola balançar as redes, o ex-ídolo do Timão comemorou de forma tímida, levantando as mãos para o céu.

O Corinthians sentiu a desvantagem. Aos 29 minutos, o Santo André ficou muito próximo do segundo. Jaílson caprichou no cruzamento da esquerda e Jéferson apareceu livre na área para cabecear. A bola passou rente ao poste direito de Felipe.

Após os 30 minutos, o Corinthians acordou e voltou a dominar. Na principal chance antes do intervalo, Dentinho improvisou uma finalização de calcanhar dentro da área, só que a bola passou próxima ao poste esquerdo de Neneca. Seria um golaço.

Adversário perigoso
Bem posicionado taticamente, o Santo André iniciou a segunda etapa novamente assustando o Corinthians. Aos três minutos, Márcio Mixirica trouxe apreensão à Fiel com uma cabeçada perigosa.

Gazeta Press
Saci salvou a invencibilidade
Após o susto, o Corinthians continuou com maior posse de bola, mas encontrava dificuldades para furar a retranca adversária. Sem grandes opções no banco, Mano Menezes apostou no grandalhão Lima, alvo de desconfianças no Parque São Jorge, no lugar de Eduardo Ramos.

Pouco depois, o treinador alterou o meio-campo. Wellington Saci ficou com a vaga do apagado Lulinha. Mas a situação ficou mais complicada para os visitantes aos 28 minutos, com a expulsão de Dentinho por um carrinho em Cicinho.

Quando todos já esperavam pelo pior, o Corinthians se superou e alcançou o empate. Aos 32 minutos, Wellington Saci apareceu com liberdade na entrada da área e finalizou firme, sem chances para Neneca.

No final, o Santo André também perdeu um jogador expulso, o meio-campista Willians. Já o Corinthians teve a chance da virada com Herrera. Para frustração da Fiel, a cabeçada do argentino foi pela linha de fundo.

Depois do apito final, Marcelinho Carioca vestiu a camisa do Corinthians e foi saudar a torcida Fiel presente em Santo André, que retribuiu o carinho ao ídolo.

Outros resultados da Série B:

FICHA TÉCNICA (Veja como foi o jogo lance a lance)
SANTO ANDRÉ 1 X 1 CORINTHIANS

Local: Estádio Bruno José Daniel, em Santo André (SP)
Data: 12 de julho de 2008, sábado
Horário: 16 horas (de Brasília)
Renda: R$ 262.200,00
Público: 10.649 pagantes
Árbitro: Guilherme Cereta de Lima (SP)
Assistentes: Vicente Romano Neto e Everson Luis Luquesi Soares (ambos de SP)
Cartões amarelos: Willians e Jeferson (Santo André); Chicão (Corinthians)
Cartões vermelhos: Dentinho (Corinthians) e Willians (Santo André)
Gols:
SANTO ANDRÉ: Marcelinho Carioca, aos 26 minutos do primeiro tempo.
CORINTHIANS: Wellington Saci, aos 32 minutos do segundo tempo.

SANTO ANDRÉ: Neneca; Cicinho, Douglas, Marcel e Jaílson; Fernando, Willians, Pará e Jéferson (Fábio); Marcelinho Carioca (Antonio Flávio) e Márcio Mixirica
Técnico: Sérgio Soares

CORINTHIANS: Felipe; Denis, William, Chicão e André Santos; Carlos Alberto (Perdigão), Eduardo Ramos (Lima), Elias e Lulinha (Wellington Saci); Dentinho e Herrera
Técnico: Mano Menezes


Leia mais sobre: Série B Corinthians Santo André Marcelinho Carioca

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Ídolo ou vilão?
Marcelinho Carioca marcou seu gol de cabeça e quase decidiu o jogo contra o Corinthians

Topo