iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

10/07 - 01:17

Para Geninho, é normal que haja pressão

Técnico do Botafogo segue confiante e não se sente ameaçado no cargo após goleada do Vitória

Gazeta Esportiva

SALVADOR - Depois da derrota por 5 a 2 para o Vitória, na noite desta quarta-feira, o técnico do Botafogo, Geninho, respondeu sobre as especulações de que seu cargo estaria ameaçado. “Estou tranqüilo porque esse é o meu modo de ser, mas não gosto de perder.

Na verdade estou muito chateado e zangado. As cobranças serão inevitáveis, claro, mas vamos continuar trabalhando e a análise do trabalho fica para a diretoria”, afirmou Geninho, à Rádio Globo.

Para o treinador, o Botafogo, na noite desta quarta-feira, teve duas atuações distintas, no primeiro e segundo tempo.

“É complicado falar muitas coisas depois de um resultado elástico como esse. Tivemos dois Botafogos, o que perdeu o primeiro tempo por 4 a 1 e o que empatou o segundo em 1 a 1. O placar poderia ter sido outro. E isso me chateia muito, ver que o time, no mesmo jogo, teve dois tempos diferentes”, analisou Geninho.


Leia mais sobre: Botafogo Campeonato Brasileiro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo