iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

10/07 - 18:05

Botafogo demite Geninho após goleada em Salvador
Sem técnico, elenco se apresenta nesta sexta-feira e começa a se preparar para enfrentar o Santos, fora de casa, no domingo

Redação iG Esporte

RIO DE JANEIRO - A diretoria do Botafogo segurou o quanto pode, mas nesta quinta-feira anunciou a demissão do técnico Geninho. O clima para o treinador ficou insustentável após a goleada de 5 a 2 sofrida para o Vitória, em Salvador, com alguns dirigentes pressionando o presidente Bebeto de Freitas para um troca de comando.

A diretoria do clube ainda procura um técnico para a partida deste domingo, às 16horas (de Brasília), contra o Santos, na Vila Belmiro, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Contratado em 31 de maio para substituir Cuca, Geninho ficou no cargo por um mês e dez dias. Neste período, o treinador obteve três derrotas, um empate e duas vitórias, e deixa o Botafogo na 16ª posição no Brasileirão, com 11 pontos.

As principais reclamações em relação a Geninho se devem ao fato de o Botafogo ainda não ter conseguido apresentar um padrão tático. O jogo contra o Vitória foi o sexto do treinador à frente do elenco.

PC Gusmão, técnico do Figueirense, está na mira da diretoria botafoguense. Mas Manoel Renha, possível candidato a presidente no fim do ano pela situação e amigo pessoal de Cuca, teria falado no clube em tentar convencer o treinador do Santos a retornar ao Rio de Janeiro. Renha está afastado de General Severiano para evitar desgastes com sua imagem por causa da eleição, que acontecerá em novembro.


Leia mais sobre: Geninho Botafogo

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Futura Press

Até a próxima
Após levar 5 do Vitória, Botafogo demite técnico Geninho às vésperas de enfrentar o Santos

Topo