iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/07 - 09:23

Botafogo tenta embalar contra empolgado Vitória
O time baiano joga em casa para provar que a boa fase no Brasileirão não é passageira

Gazeta Esportiva

SALVADOR - Duas equipes embaladas por triunfos importantes no fim de semana. Esses são Botafogo e Vitória, que se enfrentam nesta quarta-feira, às 20h30, no Barradão. O Glorioso, que soma 11 pontos, bateu o Grêmio por 2 a 0 e pretende se distanciar de vez da zona de rebaixamento. Já o Rubro-Negro, com seis pontos a mais, figura na zona de classificação para a Libertadores após surpreender a Portuguesa, fora de casa, ganhando por 2 a 1.

Geninho, técnico do Botafogo, acredita que a pressão do Vitória será muito grande em Salvador, com a torcida adversária lotando o estádio. Por isso, quer ver seu time jogando de forma compacta, sabendo valorizar a posse de bola e sem atuar com afobação. Equilíbrio é a palavra de ordem no conjunto carioca.

“O Botafogo vem numa crescente, mas vai enfrentar um adversário muito empolgado e aqui não pode existir euforia. Vamos ser pressionados e o Vitória tentará definir logo a partida. Portanto, nós precisaremos de muito equilíbrio e paciência em campo, valorizando a posse de bola”, afirmou Geninho.

Para os jogadores botafoguenses será muito importante o time conseguir pontuar nos dois próximos confrontos, já que serão disputados longe do Rio de Janeiro. Após enfrentar o Vitória, o Glorioso vai medir forças com o Santos na Vila Belmiro.

“Nós perdemos alguns pontos importantes dentro de casa, principalmente contra a Portuguesa, quando perdemos por 1 a 0 e o placar foi absurdo pelo número de chances de gol que desperdiçamos. Mas agora teremos a possibilidade de recuperarmos esses pontos como visitantes e temos que aproveitar”, disse o atacante Jorge Henrique.

Para este compromisso, o Botafogo segue sem contar com o meia Carlos Alberto, que continua com dores na coxa direita e foi vetado. Com isso, Zé Carlos está mantido no setor, já que Triguinho volta à lateral esquerda após se recuperar de uma entorse no tornozelo esquerdo.

Na zaga, há uma dúvida entre Ferrero, que volta de suspensão e foi absolvido pelo STJD na noite desta terça-feira, e André Luis, que retorna após ficar seis jogos afastados por causa das confusões na derrota de 3 a 0 para o Náutico. O volante Túlio, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Grêmio, fica de fora.

Pelo lado do Vitória, o técnico Vágner Mancini também garante que não existe euforia na sua equipe. O treinador tem conversado muito com o elenco para que os atletas não fiquem iludidos com a boa campanha.

“No Campeonato Brasileiro só existe boa campanha quando a competição chega ao fim e fazemos um balanço. Antes disso, é gangorra o tempo todo, com uma hora você ficando em cima e, na outra, flertando com a parte de baixo da tabela. Nossa busca é sempre pela regularidade”, analisou Mancini.

O treinador só fará uma modificação em relação à formação que derrotou a Portuguesa. O lateral-direito Marco Aurélio, que recebeu o terceiro cartão amarelo, terá que cumprir suspensão. Com isso, Carlos Alberto assumirá o setor.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA X BOTAFOGO

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 9 de julho de 2008, quarta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: José Henrique de Carvalho (SP)
Assistentes: Vicente Neto (SP) e Ezequiel Alves (MS)

VITÓRIA:
Viáfara; Carlos Alberto, Tiago Gomes, Anderson Martins e Marcelo Cordeiro; Vanderson, Renan, Willans e Ramon; Marquinhos e Dinei
Técnico: Vágner Mancini

BOTAFOGO: Castillo; Alessandro, Renato Silva, Ferrero (Andre Luis) e Triguinho; Leandro Guerreiro, Diguinho, Lucio Flavio e Zé Carlos; Jorge Henrique e Wellington Paulista
Técnico: Geninho


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo