iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

08/07 - 18:15

Árbitro justifica expulsão de Valdívia: “Ele me xingou'
Antes de deixar o gramado, Nelson Souza Góes revela que Valdívia admitiu seu erro na reclamação

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O árbitro Nelson Souza Góes foi o responsável pela expulsão do meio-campista Valdívia no jogo-treino desta terça-feira entre Palmeiras e Nacional, na Academia de Futebol. O apitador alegou que foi desrespeitado pelo chileno após marcar uma falta.

”Ele entrou por cima da bola e marquei a falta. Após esse fato, o Valdívia me mandou para aquele lugar três vezes. Dei o amarelo. Depois, ele me xingou novamente e perguntou se eu era da Fifa. Aí eu expulsei”, explicou.

Segundo Nelson Souza Góes, o passado polêmico de Valdívia, conhecido por exagerar nas reclamações, não teve qualquer influência em sua decisão em mostrar o cartão vermelho. “Ele é um atleta profissional, um grande jogador, como é o Marcos aqui”, comparou.

Antes de deixar o gramado, Nelson Souza Góes revela que Valdívia admitiu seu erro na reclamação. Por isso, o árbitro considera o assunto encerrado. “Todos vocês viram que o Valdívia me cumprimentou e reconheceu que exagerou na reclamação”, disse.

Com 21 anos de quadro da Federação Paulista de Futebol (FPF) e outros nove na Confederação Brasileira de Futebol (CBF) como assistente, Nelson Souza Góes está afastado das competições oficiais, já que ultrapassou o limite de idade. Até por isso, deixou claro que não tinha necessidade de expulsar Valdívia para ganhar destaque na imprensa.

”Nunca precisei disso, pois já encerrei a carreira. Sou um ex-árbitro. Para mim, poderia ser um campeonato interno. Todos os jogadores são iguais”, finalizou o árbitro.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo