iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

07/07 - 20:01

Flamengo quer mostrar que tem gás para ser campeão
Com a vitória sobre o Náutico por 3 a 0, no último sábado, o Flamengo manteve a liderança do Campeonato Brasileiro e realizou um feito inédito na era dos pontos corridos: chegar aos 22 pontos em nove rodadas e abrir cinco de vantagem para o vice-líder.

Agência Estado

Até agora, o Cruzeiro de 2003 era dono do melhor início de Brasileiro desde que o campeonato começou a ser disputado no atual sistema.

Naquela ocasião, o time mineiro somou 21 pontos em nove jogos, e tinha dois a mais que o Internacional. Ao fim, conquistou o título.

Entretanto, os números ainda causam desconfiança. Há quem julgue ilusória a liderança flamenguista, prevendo que o time irá perder o gás mais para a frente. O técnico Caio Júnior, porém, prefere começar bem a competição e sofrer com a pressão de manter o topo do que ter que correr atrás dos adversários.

"Quero sempre estar entre os primeiros. Já vivi a pressão de conviver com a zona de rebaixamento", diz Caio Júnior. Um detalhe curioso a respeito da caminhada do Flamengo é o fato de que o treinador não pôde repetir a escalação uma vez sequer, apesar de manter uma base sólida. "Isso mostra que temos um bom elenco. Mantemos o nível mesmo com as mudanças."

Com sete vitórias nos primeiros nove jogos, o Flamengo visitará na próxima rodada o Atlético-MG, que ocupa a 15ª colocação, com 11 pontos. O zagueiro Fábio Luciano, que estava suspenso, volta ao time titular. Com isso, apesar da boa estréia, Dininho volta para o banco de reservas. Toró, recuperando-se de lesão, tem boas chances de retornar. No ataque, Caio Júnior terá de definir quem o centroavante: Obina ou Souza.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo