iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/07 - 17:18

Real admite que não deve conseguir Cristiano Ronaldo
O presidente do Real Madrid, Ramón Calderón, afirmou neste domingo, em Londres, que o mais provável nesse momento "é que (o atacante português) Cristiano Ronaldo continue jogando no Manchester United no ano que vem". Nos últimos dias, jornais espanhóis especularam que o jogador seria vendido ao clube de Madri por cerca de 100 milhões de euros.

Agência Estado

Para Calderón, a negociação do jogador para o Real Madrid depende do clube inglês. "O Manchester tem que querer. Quando decidirem que querem vender e nos fizerem uma comunicação concreta e uma solicitação, diremos que estamos falando de uma possível transferência. Mas isso não acontece hoje", disse o dirigente espanhol.

"Teoricamente há tempo para a contratação, já que faltam dois meses até o fim de agosto (quando será fechado o mercado europeu). Ronaldo disse que gostaria de jogar aqui, que é um sonho, que estaria ansioso em vir para o Real Madrid, mas é um desejo do jogador que não pode ser levado a cabo sem o acordo do Manchester", acrescentou Calderón.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo