iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

03/07 - 17:16

Com situação indefinida, Guiñazu segue no time contra o Coxa
O volante argentino Guiñazu, que vem sendo sondado pelo clube árabe do Al-Jazira, treinado pelo ex-colorado Abel Braga, jurou nesta quinta-feira que “poderia ficar a vida toda no Internacional”, mas as negociações entre os dois clubes parecem demonstrar o contrário.

Gazeta Esportiva

A diretoria do Inter vem tentando endurecer a negociação e espera que os árabes do Al-Jazira aumentem a oferta de US$ 2 milhões (cerca de R$ 3,2 milhões).

Se não for concretizada a transação, o clube estuda ainda uma proposta para manter o jogador no Beira-Rio, ampliando seu contrato até o final de 2012 e elevando seu salário para R$ 170 mil.

“Poderia ficar a vida toda no Inter, mas, às vezes, a vida te obriga a fazer certas escolhas” declarou o volante, em entrevista ao tablóide gaúcho Zero Hora.

Se não for possível mantê-lo, Rosinei, ex-Corinthians, deve ser o seu substituto, já que o clube de Porto Alegre está em um estágio avançado nas negociações junto ao Murcia, da Espanha.

Apesar da indefinição, Guiñazu segue no time titular do Internacional para o jogo de domingo, contra o Coritiba.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo