iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

02/07 - 13:54

Dinamite acumulará a vice-presidência de futebol interinamente
Empossado como presidente do Vasco na noite da última terça-feira, Roberto Dinamite ainda não tem por completo todos os nomes que irão compor a sua diretoria

Gazeta Esportiva

Ainda atrás de um nome forte para comandar o futebol do clube, ele acumulará a vice-presidência do setor por tempo indeterminado.

“O Roberto irá acumular a função de vice-presidente de futebol e isso pode durar quinze dias, dois meses, eu não sei. Ainda procuramos um nome de qualidade, mas não chegamos ainda a um consenso”, afirmou Luso Soares da Costa, novo vice-presidente geral do Vasco.

Além de Luso Soares, outros integrantes do MUV (Movimento Unido Vascaíno) assumem outras vice-presidências no Vasco: Luiz Américo (Vice-presidente jurídico), José Henrique Coelho (Vice-presidente de relações públicas e marketing), José Hamilton Mandarino (Vice-presidente de comunicação), Benjamin Nazário (Vice-presidente de finanças), José Gomes da Costa (Vice-presidente de desportos aquáticos) e Maurício Marques (Vice-presidente social).

Com a nova diretoria praticamente completa, Roberto Dinamite também confirmou que não pensa em mudar o treinador, ao contrário do que foi especulado antes de sua posse. O presidente garante manter uma boa relação com Antônio Lopes, com quem já trabalhou no Vasco.

“Não queremos mudar no meio de uma competição. Tenho uma relação muito boa com o Lopes. Nós nos respeitamos, acima de tudo. Fomos companheiros, ele como treinador, eu como atleta. Mas é uma decisão que também cabe a ele”, afirmou o novo presidente cruzmaltino.

Maior artilheiro da história do Vasco, Roberto Dinamite tira da experiência dentro dos campos uma lição para as dificuldades que terá como novo presidente do clube cruzmaltino.

“Na minha vida de jogador também nunca foi tão fácil marcar gols e driblar os zagueiros, mas em muitos momentos conseguimos isso. Sei que estou assumindo uma responsabilidade muito grande dentro do nosso clube, mas acho que temos que unir forças para que a gente possa fazer uma grande administração”, comentou Roberto.

Na união de forças pregada por Roberto Dinamite há espaço até para que o ex-presidente Eurico Miranda ajude. No início da semana, junto a outros beneméritos vascaínos, os dois se reuniram e conversaram sobre o futuro do clube. No encontro, Eurico fez alguns pedidos a atual diretoria, entre eles, não demitir os funcionários que trabalham há anos em São Januário.

E um desejo da antiga diretoria vascaína também está dentro do que deseja a nova administração. Roberto Dinamite garantiu que o clube irá investir na contratação do meia Felipe, que tenta se desligar de seu atual vínculo com o Al Sadd, do Catar. O jogador poderá ser anunciado como reforço já na próxima semana.

“Se Deus quiser, logo logo vamos dar o que todos os vascaínos esperam: uma boa administração e uma equipe forte para brigar pelos títulos”, salientou Roberto.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo