iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

01/07 - 18:11

Santos fica concentrado até jogo com Atlético-PR
Os jogadores do Santos voltaram da folga de dois dias nesta terça-feira, treinaram em dois períodos e vão ficar em regime de concentração total até a hora de viajar para Curitiba, onde o time enfrentará o Atlético Paranaense, no sábado.

Agência Estado

A linha dura implantada por Cuca deve-se ao mau momento da equipe, que está há seis jogos sem vencer e está na zona de rebaixamento do Campeonato brasileiro, e a pressão da torcida.

Depois da derrota por 4 a 0 para o Goiás, representantes de uma uniformizada denunciaram jogadores que estariam abusando das baladas e o técnico prometeu tomar providências. "Estou cansado de ver jogador sair no momento inadequado, na antevéspera de um clássico, e ficar até 4 ou 5 horas da manhã na rua e ainda fazer besteira. Não ele, mas o amigo", disse Cuca, "O jogador tem que ser profissional. Não que tenha esse tipo de problema aqui, mas vou evitar se puder."

Cuca tentou convencer a imprensa de que ficar hospedado uma semana no Recanto dos Alvinegros, hotel do CT Rei Pelé, não é um castigo. "A concentração é boa, a comida é boa, os quartos são bons; tem jogo de pingue-pongue, sinuca, televisão a cabo nos quartos, computadores e até fita dos últimos jogos do Atlético Paranaense para eles assistirem. Aqui é uma delícia. E ninguém é nazista. Alguns jogadores até poderão ser liberados para passar uma noite com a família."

Cuca negou que esteja sendo contraditório, por ter sido ele quem acabou com as longas concentrações do Botafogo. "Mas lá é diferente. O próprio grupo se encarrega de punir quem sai fora da linha. Aqui não é possível porque ainda não temos um grupo”, justificou.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo