iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

01/07 - 08:09

Dirigente vê tricolores como garantia de sucesso na Europa
O São Paulo está acostumado a ter trabalho para segurar seu elenco sempre que acontece a abertura da janela de transferências na Europa. Desta vez, as sondagens dos clubes do Velho Continente passam por vários titulares da equipe de Muricy Ramalho.

Gazeta Esportiva

Desta forma, o diretor de futebol do clube, João Paulo de Jesus Lopes, acredita que a busca por são-paulinos é um sinal de segurança aos clubes europeus.

“Nós já ouvimos de representantes de clubes europeus que contratações de jogadores formados no São Paulo garantem quase 100% de acerto a eles, é mais do que os jogadores argentinos. Se for ver hoje, há ex-jogadores nossos na seleção brasileira e com sucesso na Europa”, enalteceu.

Atualmente, o jogador mais assediado no elenco tricolor é o volante Hernanes, formado nas categorias de base do próprio clube. No entanto, Jesus Lopes afirma que jogadores que atuam no São Paulo, mesmo sem serem formados no clube, também são garantia sucesso no Velho Continente.

“Há o índice de acerto maior em jogadores formados na nossa base, mas atletas que passaram por aqui também vão bem lá fora. Há um risco menor ao contratar jogador do São Paulo e isso gera um preço maior. Além disso, sabemos que há procura a nossos jogadores em função da exposição também, pois estamos sempre disputando as primeiras posições no Brasileiro e jogando a Libertadores”, acrescentou.

Além de Hernanes, o São Paulo está se precavendo em relação a outros jogadores, como Dagoberto, Miranda, Alex Silva e Richarlyson, que também estão sendo observados por equipes européias. No entanto, o diretor de futebol garante que não recebeu proposta formal por nenhum deles.

“Há muitas sondagens de pessoas que ligam para saber dos jogadores, mas, para nós, sondagem é fumaça. Nós só falamos quando há proposta de clube para clube. Além disso, não estamos passando por dificuldade financeira e nossa intenção não é vender”, concluiu.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo