iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

01/07 - 14:45

Diretoria do Atlético-MG volta a enfrentar protestos
A diretoria do Atlético-MG voltou a ser alvo de protestos na noite desta segunda-feira.

Gazeta Esportiva

Desta vez, cerca de 200 torcedores levaram água e vassouras para lavar a calçada à porta da sede do clube, no bairro de Lourdes, região central de Belo Horizonte. A manifestação foi pacífica.

Protestos contra a diretoria têm se tornados comuns na vida do clube. Há cerca de 20 dias, faixas não assinadas foram espalhadas por Belo Horizonte, criticando a formação do elenco para o ano do centenário. Nas cadeiras do Mineirão, são constantes mensagens pedindo a saída do presidente Ziza Valadares.

É sabido que a principal torcida organizada do Atlético-MG tem divergências com a atual gestão por discussões quanto a privilégios na aquisição de ingressos. No entanto, o protesto desta segunda-feira contou ainda com a participação de outras cinco facções de torcedores alvinegros.

Segundo os organizadores, ao ato tinha como objetivo mostrar que a torcida não aceita o desempenho medíocre – o Atlético-MG está na 11ª posição – e a falta de perspectivas para a seqüência do ano.

Eles apontam ainda a perda de patrimônio e a passividade do conselho deliberativo frente às dificuldades como problemas e criticam o fato de Ziza Valadares ter prometido um time forte sabendo que não teria condições de cumprir.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo