iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

01/07 - 18:31

Denilson vê vantagem em inter-temporada para ficar no G-4
Na noite desta terça-feira, o elenco palmeirense sai da Academia direto para um período de quatro dias concentrado em Atibaia.

Gazeta Esportiva

O objetivo da comissão técnica é aproveitar a última semana sem jogos na quarta ou quinta-feira para manter o time bem fisicamente e focado na busca pela liderança do Campeonato Brasileiro ou, no mínimo, permanecer entre os quatro primeiros. Estratégia aprovada por Denílson.

Apesar da fama de gostar de se divertir, o meia-atacante, mais “comportado” no Verdão, não se incomoda em ficar longe da capital por uma semana. O jogador sabe que uma derrota para o Atlético Mineiro, neste domingo em Belo Horizonte, significa a saída da zona de classificação para a Libertadores. Posto que o plantel tanto almejou nos últimos tempos.

“Um dos objetivos de ir para Atibaia é esse, se concentrar e esperamos continuar no grupo dos quatro. Essa concentração é importante pelo fato de que acabamos de entrar nesse grupo e vai ter uma seqüência de jogos que vai definir quem vai lutar pelo titulo. Acho que isso é mais um motivo para estar concentrado também”, comentou o camisa 19, alertando os companheiros para a necessidade de um bom resultado no Mineirão.

“O elenco tem que estar consciente de que a dificuldade vai estar maior. Se você perder um jogo, já sai do grupo dos quatro e a pequena distância entre os times não te permite perder um ou dois jogos”, avaliou o pentacampeão mundial com a seleção brasileira, ainda sem um título nacional em seu currículo.

Reserva na maioria das partidas da equipe nesta temporada, Denílson também comemora a estadia fora da capital como chance de estar bem fisicamente quando for aproveitado – fato que certamente deve acontecer no domingo, já que Valdívia e Kléber estão suspensos para pegar o Galo.

“Com dois jogos por semana, a carga de treinamentos diminui, treinamos menos para chegar no jogo com força total. Por isso, nessas últimas semanas o Wanderley fez um trabalho muito forte voltado principalmente à parte física para todo mundo poder agüentar os 90 minutos nessa seqüência”, analisou.

De qualquer maneira, o que o ex-são-paulino prevê é a cabeça palmeirense cada vez mais voltada em ficar com a ponta hoje ocupada pelo Flamengo. “Logicamente, a gente vai trabalhar da mesma forma para alcançar a liderança. O inicio do campeonato não foi da forma que a gente queria. Perdemos pontos que esperamos que não nos prejudiquem lá na frente. Mas depois de algumas rodadas conseguimos atingir nosso objetivo e a partir de agora é concentração máxima”.

Para isso, a meta é vencer Atlético Mineiro e Figueirense, dois próximos adversários do Verdão, e ter moral para enfrentar o São Paulo no dia 12 – duelo visto por muitos como direto na briga pelo título. “Temos que trabalhar principalmente para esses dois próximos jogos, porque depois é o São Paulo e esperamos chegar com seis pontos. Tentamos somar para chegar no clássico bem para enfrentar o São Paulo”, projetou Denílson.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo