iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

30/06 - 10:23

Xavi é eleito o melhor. Senna e Pepe entram na seleção da Euro
Diferentemente das três últimas Copas do Mundo, a Uefa anunciou nesta segunda-feira um representante do time campeão como melhor jogador da Eurocopa.

Gazeta Esportiva

O espanhol Xavi foi anunciado como o “homem do torneio” dentre os 23 escolhidos que o comitê acreditou terem sido os destaques da competição disputada na Áustria e na Suíça.

O volante do Barcelona foi agraciado com o prêmio elogiado por comandar a Fúria na conquista do bicampeonato europeu. “Escolhemos ele porque acreditamos que ele simboliza o estilo espanhol de jogar. Ele foi extremamente influente em toda a posse de bola, troca de passes, o estilo de infiltrações do jogo espanhol”, analisou Andy Roxburgh, diretor-técnico da Uefa.

Como não poderia deixar de ser, Xavi está no time da Euro ao lado de outros oito companheiros que celebraram muito a vitória por 1 a 0 sobre a Alemanha na final desse domingo. Os espanhóis são maioria dentre os eleitos da Uefa, com destaque para o brasileiro naturalizado Marcos Senna.

E o meio-campista de Americana (SP) não é o único representante verde-amarelo na seleção. O primeiro brasileiro a levantar a Euro tem como companhia o zagueiro naturalizado português Pepe, que caiu no torneio com sua seleção nas quartas-de-final, batidos pelos alemães por 3 a 2.

Em relação à seleção formada pela Uefa, chama atenção a pequena presença dos germânicos. Mesmo vice-campeões, apenas três dos comandados de Joachim Loew aprecem entre os 23 melhores jogadores. A Rússia, que caiu nas semifinais, tem quatro, enquanto Portugal e Holanda têm dois. A Turquia, semifinalista, é representada apenas por um atleta, assim como Itália e Croácia, eliminados nas quartas.

Outro fator que chama atenção no selecionado é a ausência de Cristiano Ronaldo, cotado como favorito para o título de melhor do mundo oferecido pela Fifa em dezembro.

Confira abaixo os 23 melhores jogadores da Euro na opinião da Uefa:

Goleiros: Buffon (Itália), Casillas (Espanha) e Van der Sar (Holanda)
Defensores: Bosingwa (Portugal), Lahm (Alemanha), Marchena (Espanha), Pepe (Portugal), Puyol (Espanha) e Zhirkov (Rússia)

Meio-campistas: Hamit Altıntop (Turquia), Modrić (Croácia), Marcos Senna (Espanha), Xavi (Espanha), Zyryanov (Rússia), Ballack (Alemanha), Fàbregas (Espanha), Iniesta (Espanha), Podolski (Alemanha) e Sneijder (Holanda)

Atacantes: Arshavin (Rússia), Pavlyuchenko (Rússia), Torres (Espanha), Villa (Espanha)


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo