iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

30/06 - 20:09

Aos 34 anos, Jardel defenderá o Criciúma
Ídolo do Grêmio e do Porto, de Portugal, o centroavante Mário Jardel de Almeida, o Jardel, irá defender o Criciúma pelos próximos cinco meses. Em entrevista à Rádio Globo , o atacante confirmou que viaja nesta terça-feira para a cidade catarinense para realizar exames médicos e assinar contrato com o clube, que disputa o Campeonato Brasileiro da Série B.

Gazeta Esportiva

“Passei quatro semanas treinando e acho que em duas semanas estarei pronto para jogar. Quero voltar aos gramados e provar que estou vivo”, afirmou Jardel, maior artilheiro da Europa na temporada 1998/1999.

Revelado pelo Ferroviário e com passagem pelo Vasco, Jardel ganhou projeção no time do Grêmio campeão da Copa Libertadores em 1995. Famoso pelos seus gols de cabeça, o atacante se consagrou no Porto, clube em que atuou de 1996 a 2000, sendo quatro vezes artilheiro do Campeonato Português, do qual faturou três títulos.

Em 2000 se transferiu para o Galatasaray, mas um ano depois voltaria para Portugal, desta vez para defender o Sporting. A conquista de mais um título nacional nesta temporada foi o último grande momento de Jardel no futebl até aqui.

Passando por problemas pessoais, nos últimos anos, o atacante colecionou passagens frustrantes por Bolton, Palmeiras, pelo qual nem jogou, Goiás, Beira-Mar e até por times do Chipre e da Austrália.

Em abril de 2008, em entrevista à TV Globo, Jardel admitiu que teve problemas com drogas, o que atrapalhou seu rendimento nos gramados. Contudo, o atleta afirmou que se livrou do vício.

Nesta segunda-feira, quando perguntado sobre o assunto, Jardel se mostrou incomodado, afirmando que está focado apenas no futuro.

“Não quero falar sobre isso porque não me interessa. Me sinto cada dia mais forte e espero voltar a jogar”, garantiu Jardel.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo