iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

29/06 - 21:27

Luxemburgo não se conforma com cartões de Valdívia e Kléber
Apesar de ter passado pelo Náutico neste domingo e chegado ao grupo dos quatro melhores classificados do Campeonato Brasileiro, o técnico do Palmeiras, Wanderley Luxemburgo, não deixou o Palestra Itália completamente satisfeito.

Gazeta Esportiva

Em sua entrevista coletiva, o treinador reclamou muito da arbitragem do carioca Djalma Beltrami, especificamente dos cartões aplicados ao meia Valdívia e ao atacante Kléber, que tiraram a dupla do jogo contra o Atlético-MG.

“Eu acredito nos meus profissionais. O Filé (fisioterapeuta) e o doutor Vinícius (Martins, médico do clube) estavam próximos do Kléber na hora em que ele foi expulso e me disseram que o jogador não falou nada para receber o cartão vermelho. Claro que o árbitro vai dizer na súmula que foi xingado, coisa e tal, mas eu acredito nos meus profissionais”, repetiu.

Luxemburgo também saiu em defesa de Valdívia, que levou o terceiro cartão amarelo após reclamar de uma cotovelada recebida no meio-campo, e citou ainda um lance envolvendo Everaldo e Élder Granja na lateral do campo, ignorado pelo árbitro.

“Dar todo o poder ao árbitro é complicado. O jogador do Náutico deu uma cabeçada no Élder Granja, o quarto árbitro viu e não falou nada. O Valdívia levou uma cotovelada do dez do Náutico (Geraldo) e foi ele quem levou cartão. O Sérgio Correa (presidente da Comissão de Arbitragem) tem que ver isso e punir os árbitros”, pediu.

O atacante Kléber também foi abordado sobre o lance de sua expulsão e, a exemplo de Luxemburgo, utilizou a presença do fisioterapeuta e do médico próximos ao lance para embasar sua inocência.

“Eu apenas falei para o árbitro que não era necessário ele me dar o cartão, pois eu não tinha ouvido o apito e por isso continuei na jogada. Ele vai colocar na súmula que foi xingado, mas todos que estavam perto viram que eu não o ofendi. Estou tranqüilo”, concluiu o atacante.

Além de não enfrentar o Atlético-MG, Kléber também deverá ficar fora do confronto contra o Figueirense, pois estava pendurado com dois cartões amarelos e recebeu o terceiro segundos antes de também ser advertido com o cartão vermelho por Djalma José Beltrami. Se o árbitro confirmar na súmula que deu o cartão vermelho direto para Kléber, o jogador terá de cumprir duas partidas de suspensão.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo