iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

28/06 - 21:45

Não estou totalmente chateado, diz Hélio dos Anjos
Depois de bater o Santos por 4 a 0 na Vila Belmiro em sua estréia, o técnico Hélio dos Anjos não repetiu a dose em seu segundo jogo à frente do Goiás.

Gazeta Esportiva

Neste sábado, o time caiu por 3 a 0 diante do Vitória em Salvador e segue na zona do rebaixamento. O treinador, apesar de criticar a atuação desta noite, mostrou satisfação após a série de jogos fora de casa.

“Não estou totalmente chateado, porque assumimos o time em uma situação muito difícil e chegamos a projetar um ou dois pontos nestes jogos fora de casa. Porém, conseguimos três pontos com uma vitória, que é o critério de desempate”, argumentou o treinador, que não poupou, porém, os jogadores de criticas após o tropeço na Bahia.

“Temos que rever algumas situações. Enfrentamos um adversário complicado, mas ficamos 12 minutos do primeiro tempo apenas rifando as bolas”, queixou-se o treinador, reclamando muito da falta que originou o primeiro gol do Vitória, do abuso de erros de passes e da quantidade de cartões que sua equipe levou – seis amarelos e um vermelho, do volante Pituca.

Para o atacante Iarley, que acertou uma bola na trave pouco depois de o time ficar com um a menos, esta expulsão custou a reação do time. “Não estávamos tão mal, mas ficou complicado com um a menos. Levamos um gol no final do primeiro tempo e tivemos que nos abrir mais”, lamentou.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo