iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

26/06 - 18:40

Luxa espera notificação, mas admite que Henrique pode desfalcar
Os empresários de Henrique e a Traffic ainda esperam por uma proposta de dez milhões de euros (aproximadamente R$ 25 milhões) do Barcelona, e já tem em mãos uma oferta oficial de oito milhões de euros (R$ 20 milhões) do Ajax. A saída do zagueiro está próxima e provavelmente será desfalque no domingo, diante do Náutico.

Gazeta Esportiva

E a possibilidade de não contar com o defensor é admitida por Wanderley Luxemburgo. O técnico, contudo, avisa que só vai definir a participação do camisa 28 quando for notificado da venda. Até lá, o jogador está escalado.

“Se me notificarem que ele não pode jogar, não vai jogar. Mas até agora é só especulação. Não me passaram nada. Se tivesse um fato novo, eu falaria, mas não estou preocupado. Se não, ele nem treinaria com os titulares hoje (quinta-feira)”, explicou o treinador, que deu a Henrique a função de bloquear os cruzamentos no treinos de finalização na Academia.

Os boatos e a chance de perder um de seus principais atletas não assusta Luxa. Como sempre tem repetido, o treinador encara com naturalidade qualquer proposta e possível saída de qualquer um dos integrantes do atual elenco.

“Está tudo dentro da naturalidade do futebol. Não tem nada diferente. Isso com o Henrique é natural com qualquer jogador do São Paulo, do Santos, do Flamengo. Nada de anormal. É normal que haja especulação”, minimiza.

Sem problemas com Gustavo e Leandro – Se a saída de Henrique é dada como certa, o mesmo pode acontecer com o outro zagueiro titular do Verdão. A negociação para renovação de contrato de Gustavo ainda esbarra no tempo do novo vínculo. Como o compromisso do jogador com o clube termina na segunda-feira, o Náutico pode ser seu último adversário com a camisa alviverde.

Leandro também tem seu contrato vencido em 30 de junho, mas sua situação é teoricamente mais tranqüila. O lateral-esquerdo já acertou que ficará mais um ano no Palestra Itália, emprestado pelo Porto. O acordo, porém, ainda não está no papel porque os portugueses não mandaram os documentos.

As duas situações, no entanto, também não incomodam Luxemburgo. “Isso faz parte, mas está se buscando uma renovação e não tem prazo para terminar. Se o clube não quisesse que eles ficassem, estariam fora, mas não é isso. Mas há o interesse e o acordo pode chegar ou não. Se não renovarem, aí já é outra situação”, comentou.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo