iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

26/06 - 01:04

Apesar da derrota, Renato esbanja confiança para decisão
Apesar de ver o Fluminense perder por 4 a 2 no primeiro jogo da final da Copa Libertadores, o técnico do Tricolor, Renato Gaúcho, esbanjou confiança na entrevista coletiva concedida após a partida desta quarta-feira, realizada em Quito

Gazeta Esportiva

Buscando minimizar o resultado, Renato afirmou que seus comandados devem manter a tranqüilidade para a decisão no Rio de Janeiro.

“Quem tem que estar desesperado é o adversário, que vai enfrentar o Fluminense no Maracanã lotado”, disparou.

Assim como o zagueiro Luiz Alberto, que comentou que os jogadores do clube carioca pareciam estar com a cabeça “no mundo da lua”, Renato criticou muito o desempenho dos jogadores no primeiro tempo do confronto.

“O Fluminense começou muito mal, principalmente no primeiro tempo. Os quatro gols dos adversários surgiram de falhas nossas. A equipe não estava atenta. Pedi atitude e vergonha na cara, mas não fiz substituição nenhuma, porque eu teria que tirar mais de oito de campo. Mas nós já tivemos situações muito piores. O adversário mereceu a vitória, mas temos mais 90 minutos no Maracanã”, comentou.

O comandante tricolor ainda disse que sentiu durante o jogo que o Fluminense irá levantar a taça do torneio sul-americano. A “sorte de campeão” teria sido mostrada principalmente no lance em que o goleiro Fernando Henrique agarrou uma bola que explodiu na trave, nos momentos finais da partida, impedindo o quinto gols dos equatorianos.

“Eu falei para o meu grupo no vestiário que a LDU teve a grande chance de garantir o título hoje, mas eles não souberam aproveitar e fazer mais gols. No segundo tempo, nós dominamos, mesmo jogando um futebol apenas regular. Com o gol do Thiago Neves, alguma coisa lá de cima me disse que o Fluminense vai ser o campeão”, garantiu.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo