iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

25/06 - 14:45

Marcos alerta: Palmeiras não pode se acomodar
O clima no Palmeiras é de ânimo total. Depois de golear o até então invicto Cruzeiro, a equipe bateu o Vasco no último domingo e conquistou sua primeira vitória fora de casa neste Brasileiro.

Gazeta Esportiva

Marcos, contudo, pede para que a alegria não vire empolgação. Capitão do time, o goleiro credita os maus resultados nas primeiras rodadas à acomodação pelo título paulista. E alerta para que o erro não se repita.

“A gente não podia perder o foco por ter ganhado o Paulista. Sempre vinha falando isso. No Paulista a gente fez grandes apresentações, principalmente na semifinal e final. Depois disso, é normal o time que ganha se acomodar”, comentou o arqueiro, vendo o triunfo em São Januário como exemplo para conquistar mais pontos.

“Temos que trabalhar forte e concentrado, que nem na semana passada, e repetir o que fizemos no Rio: poucos erros e concentrado. O principal acerto é manter a concentração e não se acomodar com os bons resultados”, reivindicou.

Após os pedidos do líder do elenco, o que o ídolo alviverde espera é que os resultados da concentração sejam visto neste domingo, às 18h20, diante do Náutico no Palestra Itália. Uma vitória é suficiente para colocar o Verdão na zona de classificação para a Libertadores.

“Nossa intenção é vencer o Náutico no domingo, mas qualquer adversário tem sempre que ser respeitado. Estamos vindo de uma boa vitória sobre o Vasco, porém, isso não quer dizer que vamos vencer o Náutico”, pregou.

Jogador do atual plantel há mais tempo no clube, Marcos já conquistou muitos títulos com a camisa verde, além do pentacampeonato mundial com a seleção brasileira. Por isso, dá a sua receita para que possa vestir em dezembro a faixa de campeão brasileiro que não vê desde 1994.

“O principal para ser campeão, na minha opinião, é ter união do grupo. Não pode ter muita vaidade, porque no campeonato com certeza um vai aparecer mais, outro vai ser mais criticado. O meu jeito é não ficar procurando muita notícia, se concentrar para o final de semana, treinar bem. São muitos fatores para ser campeão, mas amizade para mim é o mais importante, além dos treinos”, ensinou, emendando que sua filosofia combina com a de Wanderley Luxemburgo.

“O Wanderley cobra concentração dentro do campeonato a cada jogo. Não adianta vencer o Vasco e achar que por isso vai ganhar do Náutico, porque em casa eles jogam fechados. Fora a gente tem mais facilidade por jogar no contra-ataque. O Náutico vai ser uma pedreira igual”, previu, acrescentando que o técnico pôs na cabeça dos atletas que o Palmeiras ficará com a taça nacional.

Porém, mais do que a confiança de seu comandante, Marcos acredita no potencial próprio e de seus companheiros pela qualidade que tem visto em campo em 2008. “O Palmeiras manteve um time forte depois do Paulista, com contratações de gente que se destacou no interior. Temos que aproveitar isso. Um time como o Palmeiras tem que buscar outros títulos porque tem condições, tem um elenco muito bom”, elogiou.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo